Amostra para teste para coronavírus
Reprodução
Amostra para teste para coronavírus

Em coletiva de imprensa realizada esta tarde no Palácio dos Bandeirantes, o secretário de saúde do  Estado de São Paulo José Henrique Germann afirmou que pelo menos 12 mil pacientes aguardam exames para o novo coronavírus  (SARS-COV-2) no estado. Desses, cerca de 500 estão internados em estado grave, “com alta possibilidade de testarem positivo”, afirma. 

O secretário também falou sobre um aumento na produção dos testes, que passou de 400 para 1.000 unidades fabricadas todos os dias, o que deve diminuir os casos acumulados na fila por testagem .

Leia mais: Mandetta cobra Bolsonaro e diz: 'estamos prontos para caminhões levando corpos'?

Segundo Germann, a capacidade atual de processamento instalada no Estado é de 3 mil exames por dia e "a partir do dia 10 de abril teremos 8 mil exames por dia".

“Após os testes, nós vamos ter um certo número de casos confirmados. Uma diminuição não vamos ter, pois isso seria antiético e imoral”, disse o secretário, ao reforçar o critério com os diagnósticos de covid-19 no estado. O secretário, porém, afirmou que “o aumento não será significativo”. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários