presos em presídio
Wilson Dias/Agência Brasil
Segundo sindicato, pelo menos três casos foram confirmados

O Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (Siduspesp) afirmou na manhã desta sexta-feira (20) que há pelo menos três casos de Covid-19 confirmados em presídios paulistas.

Segundo nota, o sindicato garantiu que protocolou ação civil pública junto ao Ministério Público pedindo suspensão imediata de visitas. "O temor infelizmente se tornou realidade, e desde ontem pelo menos três casos confirmados do COVID-19 e vários outros suspeitos foram registrados em diversas unidades prisionais do Estado", disse a Siduspesp.

Leia também: Senado aprova estado de calamidade pública em votação virtual

No pedido protocolado, o Ministério Público afirmou que “consequências da não suspensão podem ser catastróficas para o sistema prisional, causando o adoecimento e morte de grande número de indivíduos”.

A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Administração Penitenciária do Estado de São Paulo e aguarda retorno.

    Veja Também

      Mostrar mais