Estátua da mãe de Marechal Deodoro foi removida da Glória
Carolina Ribeiro
Estátua da mãe de Marechal Deodoro foi removida da Glória


Uma campanha está em curso na internet para se encontrar a estátua da mãe do Marechal Deodoro, o primeiro presidente do Brasil. A peça, de 400 quilos, aproximadamente, foi arrancada do monumento em homenagem ao proclamador da República, próximo à Praça Paris, na Glória, no Rio de Janeiro.

Leia também: Em aniversário da cidade, Mourão inaugura estátua de D. Pedro I em São Paulo

O alerta foi dado pela arquiteta e pesquisadora Vera Dias, em um post nas redes sociais, no sábado à noite (16). "Pesa cerca de 400 kg em bronze, tem quase 2 metros de altura. Não pode estar passeando por aí! Divulguem a foto...", escreveu. O número informado para quem tiver qualquer informação é o da Prefeitura: 1746.

Vera é a autora de "Os Monumentos do Rio, inventário 2015", escrito com Alexei Bueno e organizado por Victor Burton (Nau das Letras Editora. 2015).

A ideia da campanha é inviabilizar a venda da peça em ferro-velhos. Um movimento semelhante salvou da destruição outra relíquia do acervo urbano municipal, "O Escoteiro", roubada em abril do ano passado. A peça reapareceu algumas semanas depois em pedaços na Praia do Flamengo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários