deslizamento de terra
O Dia / Reprodução / Redes Sociais
Deslizamento atingiu área de lazer de prédio

Um deslizamento de terras e pedras atingiu, na noite desta terça-feira (11), um prédio que fica próximo à encosta do Morro da Babilônia, no Leme, na Zona Sul do Rio. O material do desmoronamento chegou à área de lazer do imóvel, que fica na Rua Roberto Dias Lopes, 94. As informações são do jornal O Dia.

O Corpo de Bombeiros informou que o quartel de Copacabana foi acionado para a ocorrência às 21h53. De acordo com a corporação, não houve feridos. A Defesa Civil municipal também foi acionada e enviou agentes ao local.

Leia também: Temporal provoca deslizamento em morro de Osasco e assusta moradores; assista


Estágio de mobilização

As encostas do Rio estão encharcadas desde o início da chuva que cai, nesta segunda-feira. Houve temporal no início da semana, com chuva de fraca a moderada ontem e hoje. A cidade chegou a entrar em estágio de atenção, retornando ao de mobilização às 18h43 desta terça.

De acordo com o sistema Alerta Rio, a entrada de umidade vinda do oceano está criando condições para chover em pontos isolados do Rio a qualquer momento desta quarta-feira.

Nas últimas 24 horas, a região que mais choveu foi a Rocinha, como tem acontecido desde segunda. A Urca, onde fica a estação meteorológica mais próxima do Leme, registrou o 11º maior volume de chuva dentre as 33 regiões medidas no Rio; veja onde mais choveu e o acumulado das últimas 24h (6h35):

. ROCINHA: 35,6 mm

. ALTO DA BOA VISTA: 35,4 mm

. BARRINHA: 27,8 mm

. RECREIO: 23,6 mm

. GRAJAÚ-JACAREPAGUÁ: 23,2 mm

. GROTA FUNDA: 23 mm

. VIDIGAL: 21 mm

. TIJUCA: 20,4 mm

. JARDIM BOTÂNICO: 19,2 mm

. RIOCENTRO: 19 mm

. URCA: 16 mm

    Veja Também

      Mostrar mais