homem sorrindo
Arquivo familiar
Professor foi socorrido, passou dias internado mas não resistiu

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga como suposto envenenamento a morte de um professor de 50 anos dentro de uma escola na Asa Norte, em Brasília.

O professor , identificado como Odailton Charles de Albuquerque, passou mal na última quinta-feira (30) após tomar um suco de uva durante uma reunião dentro da escola. Ao passar mal, ele enviou áudios para amigos pedindo ajuda e falando que acreditava que tinham colocado laxante no suco dele.

Ele foi socorrido pelos bombeiros e levado ao Hospital Regional da Asa Norte. Antes de ter morte cerebral confirmada, Odailton passou seis dias internado.

Leia também: Brasileira é acusada de matar sogra envenenada na Itália

A esposa dele registrou um boletim de ocorrência de tentativa de homicídio após um laudo preliminar mostrar que a possível causa de morte foi intoxicação, por uma substância presente em inseticidas.

A polícia civil considera o caso como uma investigação de prioridade máxima. As roupas que o professor utilizava quando passou mal foram recolhidas para perícia. Odailton foi diretor do Centro de Ensino Fundamental 410 da Asa Norte por oito anos, mas perdeu a eleição para um novo mandato no ano de 2019.

    Veja Também

      Mostrar mais