BH arrow-options
Reprodução/TV Globo
Chuva causou destruição em diversos pontos da cidade mineira

O mês de janeiro já é o mais chuvoso da história de Belo Horizonte, em Minas Gerais. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o período foi o que teve mais chuvas desde o início das medições, há 110 anos. Já choveu 183% acima do esperado para todo o mês. 

Na  madrugada desta terça-feira (28), a chuva chegou a 932,3 milímetros. Apenas entre 19h e 22h10, choveu 117,4 mm na cidade. Antes, o recorde era de janeiro de 1985, cerca de 850,3 mm. O índice ainda pode aumentar nas próximas horas. A previsão é de fortes pancadas de chuva para Belo Horizonte e região metropolitana nesta quarta-feira. 

Leia também: Dique se rompe e ameaça 4 mil famílias em cidade no interior do Rio de Janeiro

O temporal desta madrugada causou mais destruição ao estado. A força da água destruiu casas e arrastou carros. Além disso, parte da estrutura do BH Shopping desabou. Pelo menos 110 cidades estão em situação de emergência e 53 pessoas morreram. 


    Veja Também

      Mostrar mais