Tamanho do texto

Prefeito vai anunciar medida após confusão no Baile da Favorita, em Copacabana, domingo. Blocos tradicionais poderão ter que ir para o Centro

Prefeito do Rio, Marcelo Crivella arrow-options
Tânia Rêgo/Agência Brasil
Prefeito do Rio, Marcelo Crivella

Após a confusão de domingo no Baile da Favorita , em Copacabana, o prefeito Marcelo Crivella decidiu proibir que dois megablocos desfilem ao mesmo dia na Zona Sul. O objetivo é evitar alta concentração de pessoas nas ruas da região. Prefeito atendeu a um pleito de representantes de associações de moradores.

Leia mais: Bolsonaro desembarca em Brasília após quatro dias no Guarujá

"Se a Banda de Ipanema e o Suvaco de Cristo desfilarem no mesmo dia, um dos dois será transferido para o Centro. Ou então um dos dois terá que mudar de data. Mesmo que não sejam no mesmo horário. Porque muitas vezes as pessoas emendam um bloco que aconteceu de manhã em outro que começa à tarde. Ao longo da semana, teremos mais reuniões para definir os critérios e a situação de cada um desses megablocos", explicou um auxiliar de Crivella que participou da reunião.

Leia também: Feminismo quer "tirar direito da mulher de ser assediada", diz deputado do PSL

De acordo com duas pessoas que participaram do encontro entre o prefeito e representantes de associações de moradores, Crivella chegou a ceder a pedidos para mudar o desfile do bloco Banda de Ipanema, que desfila em Ipanema, para o Centro, mas depois mudou de ideia.