Tamanho do texto

Everton Rodrigo de Oliveira Basso foi vítima de latrocínio no último sábado

Motoristas de transporte por aplicativo fizeram manifestação no Centro de Campinas arrow-options
Dimítria Coutinho
Motoristas de transporte por aplicativo fizeram manifestação no Centro de Campinas


Centenas de motoristas de transporte por aplicativ o se reuniram nesta segunda-feira, no Centro de Campina s, para uma manifestação de luto pela morte de Everton Rodrigo de Oliveira Basso, de 33 anos, trabalhador da categoria que foi vítima de latrocínio – roubo seguido de morte – na noite do último sábado.

Os motoristas promoveram um “buzinaço” pelas ruas do Centro, em direção à Prefeitura Municipal, e algumas viaturas da Polícia Militar acompanharam o ato. Boa parte dos manifestantes saiu do Cemitério da Saudade de Sumaré, por volta das 12h40, depois do sepultamento de Everton.

Segurança

Os carros que participavam da manifestação exibiam frases como “Luto” e “Queremos Justiça”, enquanto as placas que identificam os veículos para o serviço estavam viradas de cabeça para baixo.

Leia também: Uber bane motorista que se recusou a levar passageira transexual

O fim da obrigatoriedade do logo, inclusive, é uma das reinvindicações de muitos dos motoristas. Eles defendem a tese de que o uso do objeto os deixa muito expostos. A utilização da placa é obrigatória desde que legislação que regulamenta o transporte por aplicativo em Campinas entrou em vigor, em maio de 2018.

Motoristas se reuniram no centro de Campinas para protestar arrow-options
Último Segundo
Motoristas se reuniram no centro de Campinas para protestar


O caso

Everton Rodrigo de Oliveira Basso foi morto quando atendia a um chamado de corrida na Rua Egídio de Souza Santos. Uma câmera de segurança registrou o momento do crime, praticado por duas pessoas.

Nas imagens, o carro da vítima estaciona perto de uma árvore, e um dos homens tira Everton do banco do motorista para leva-lo para a parte de trás do veículo, enquanto o outro criminoso assume o lugar na frente. Quando o homem que estava fora do carro abre o porta-malas, Everton tenta reagir e, então, é baleado.

Everton Basso foi homenageado por colegas da categoria arrow-options
Último Segundo
Everton Basso foi homenageado por colegas da categoria