Tamanho do texto

Segundo informações do Desase, o grupo conseguiu pular o muro da unidade

Unidade do Degase na Ilha do Governador%2C Rio de Janeiro arrow-options
Reprodução/Google Maps
Unidade do Degase na Ilha do Governador, Rio de Janeiro

Um grupo de 27 internos fugiu da unidade Escola João Luiz Alves, na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, na tarde deste domingo (15). Até o momento, 11 foram recuperados. Quatro servidores ficaram levemente feridos, segundo o Departamento Geral de Ações socioeducativas (Degase).

Em nota, o Degase informou ainda que os menores de idade pularam o muro enquanto eram conduzidos para a quadra esportiva da unidade. As quatro vítimas ficaram com cortes superficiais e foram socorridos ao hospital Evandro Freire. A ocorrência foi encaminhada para a 21ª DP, em Bonsucesso.

"Será instaurada sindicância pela Corregedoria do departamento para apurar se houve falha de procedimento", afirmou o órgão no comunicado.

De acordo com funcionários de um restaurante próximo ao local, houve muita correria nas ruas, com internos jogando pedras nos carros enquanto fugiam. Alguns dos colaboradores inclusive se atrasaram para chegar ao estabelecimento devido ao tumulto, que repercutiu também nas redes sociais, por meio de comentários de moradores assustados com a cena.