Tamanho do texto

Suspeita da polícia é de que incêndio tenha começado em galão de álcool utilizado para cozinhar dentro do barraco. Dois adultos foram socorridos

cinzas de incêndio arrow-options
Rede Globo / reprodução
Cinzas do barraco foram periciadas na manhã desta terça-feira

Duas crianças morreram e duas pessoas ficaram feridas após um incêndio dentro de um barraco na Avenida Bernardino de Campos, no bairro da Vila Mariana , Zona Sul de São Paulo, na madrugada desta terça-feira (3).

O barraco no qual o incêndio foi registrado ficava nas imediações da estação Paraíso do metrô e era morada de um casal e seus dois filhos, de dois e quatro anos. Os corpos das crianças foram encontrados carbonizados e os pais foram encaminhados com ferimentos graves nas mãos e nos rostos para o Hospital das Clínicas.

Leia também: Incêndio destrói 40 casas na comunidade de São Vicente, em São Paulo; veja

As circunstâncias do incêndio ainda são apuradas pela polícia, mas a principal suspeita é de que um acidente tenha ocorrido enquanto a mãe dos meninos cozinhava com um galão de álcool. O fogo teria se alastrado e atingido um colchão, queimando completamente o barraco.

Os corpos de Wesley e Micael foram retirados das cinzas do barraco na manhã desta terça. A perícia foi até o local e registrou imagens. O incêndio é investigado pelo 27º DP da capital, em Campo Belo.