Tamanho do texto

Passarela provisória, utilizada em obra na região, desmoronou no início da noite desta quinta-feira; duas pessoas ficaram feridas e foram para o hospital

Passarela arrow-options
Reprodução/TV Globo
Passarela caiu sobre quatro veículos: um carro, dois ônibus e ainda um caminhão

Depois de travar completamente o trânsito na cidade de São Paulo na véspera do feriado da Proclamação da República, a Marginal Tietê foi liberada ao trânsito às 2h desta sexta-feira (15), cerca de 7h após a queda de uma passarela provisória , que ficava na altura da Ponte Ferroviária Comunidade Húngara, na zona norte da capital.

Leia também: Seis estados que já estavam limpos voltaram a receber óleo no Nordeste

Segundo informações da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a pista sentido Rodovia Castello Branco foi parcialmente liberada, sendo que duas faixas da esquerda seguirão fechadas para o trânsito por terem sido usadas para colocar algumas das partes da passarela que desabou.

De acordo com o Corpo de Bombeiros , duas pessoas se feriram levemente no incidente e foram encaminhadas para um hospital da região. Ambas estavam em um dos carros que foi atingido na queda da estrutura. Além do carro que as vítimas ocupavam, dois ônibus e um caminhão também foram atingidos.

A estrutura provisória fazia parte de uma obra para a construção de um novo viaduto que fará nova interligação na Marginal Tietê e é de responsabilidade do Consórcio Ligação Viária Lapa-Pirituba.

Leia também: Bolsonaristas acusam Bivar de envolvimento na morte de ex-namorada