Tamanho do texto

O acusado do crime foi preso em Vicentinópolis, localizada no sul de Goiás. A gravação foi encontrada no celular da criança de 11 anos pela Polícia Civil

Suspeito de estupro arrow-options
Reprodução/Polícia Civil de Goiás
O suspeito teria cometido atos libidinosos contra a vítima enquanto ela estava desacordada, segundo a Polícia Civil.

Uma criança de 11 anos teria sido obrigada a filmar o estupro de uma mulher de 42 anos. O acusado, de 46 anos, foi preso em Vicentinópolis, localizada no sul de Goiás. 

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito teria cometido atos libidinosos contra a vítima enquanto ela estava desacordada . O delegado Patrick Carniel, responsável pelo caso, contou ao G1 que o suspeito foi encontrado em uma fazenda, na zona rural da cidade, nesta quarta (6). 

Leia mais: 

O suspeito confessou aos policiais de maneira informal que estava bêbado na data do crime, que aconteceu no dia 12 de outubro. Os envolvidos no crime eram conhecidos e estavam na mesma festa. A vítima fez uma denúncia formal na delegacia da cidade dias após o ocorrido. 

A mulher teria sido acordada por uma quarta pessoa que viu que ela estava sendo abusada e filmada. Confirmando as suspeitas da polícia, uma gravação foi encontrada no celular da criança de 11 anos referente ao estupro .

A Justiça concedeu o mandado de prisão preventiva contra o suspeito, que está sendo acusado de corrupção de menores e estupro de vulnerável.