síndico
Reprodução
Síndico foi baleado durante discussão por vaga de carro em garagem de condomínio

Um síndico morreu após ser baleado durante uma discussão por uma vaga de garagem em Osasco, na Grande São Paulo. De acordo com a Folha de S.Paulo , Paulo Vicente Vilhena Duarte, de 56 anos, teve o óbito constatado por volta de 0h05 desta terça-feira (5), depois de passar por uma cirurgia no intestino.

Leia também: Mulher é presa por obrigar enteadas a fazerem sexo com homens de até 90 anos

Paulo brigou com um guarda municipal que estava de folga e teria disparado acidentalmente contra o síndico. À Polícia Civil, o guarda relatou que o síndico teria tentado pegar a sua arma durante a discussão, que aconteceu na noite de segunda-feira, e ela teria "disparado acidentalmente".

A bala ficou alojada no abdômen de Paulo e ele foi submetido a uma cirurgia no intestino delgado, mas não resistiu.

Segundo a Prefeitura de Osasco, o guarda municipal foi afastado das ruas e vai realizar apenas serviços administrativos até o final das investigações da Polícia Civil. Ele também foi indiciado por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários