Tamanho do texto

Ele é apontado pela polícia como um dos chefes do Nova Aurora, no Rio

Agentes da 54ª DP (Belford Roxo), no Rio de Janeiro, prenderam em flagrante João Victor Santos pelo crime de porte irregular de arma de fogo nesta quinta-feira (31). Ele é apontado como um dos chefes da milícia do Nova Aurora, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, e investigado em mais de dez inquéritos de homicídios.

Leia também: Câmera flagra mulher prestes a abandonar bebê em sacola plástica na rua
De acordo com a Polícia Civil, o miliciano também era investigado pela distrital por uma tentativa de homicídio em julho. Na ocasião, João Victor com um comparsa praticaram um ataque contra um mototaxista no bairro Itaipu, também em Belford Roxo.

Segundo a distrital, João Victor e outros integrantes da milícia do Nova Aurora são investigados pela prática de homicídios , ameaças, extorsões, roubos de carga e de veículos. O homem foi preso com uma pistola calibre 40, com a numeração raspada. Ele será encaminhado ao Sistema Penitenciário, onde ficará à disposição da Justiça.