Tamanho do texto

Cão ajudou a resgatar vítimas nos desabamentos em Minas Gerais. Ele pertencia ao Batalhão de Emergências Ambientais e Resposta a Desastres

Cão Brumadinho Mariana arrow-options
Divulgação/Corpo de Bombeiros de Minas Gerais
O cão era chamado de Thor.

Morreu, neste sábado (26), cão que trabalhou nas buscas de vítimas dos  desastres da Samarco, em 2015 na cidade de Mariana , e da Vale, em janeiro deste ano no município de Brumadinho – ambos em Minas Gerais.

Leia também: Bolsonaro pede desculpas ao STF e diz que publicação de vídeo foi um 'erro'

Chamado de Thor, o cão era um border collie de cinco anos e dois meses. Ele faleceu devido a diversos problemas de saúde. O cachorro teve inflamação no pâncreas, infecção generalizada, rompimento do intestino delgado, hemorragia e leishmaniose, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Ele era considerado pelo oficiais como uma referência nacional. O cão pertencia ao Batalhão de Emergências Ambientais e Resposta a Desastres (BEMAD) e ajudou a resgatar vítimas nos desabamentos em Minas Gerais .