Tamanho do texto

Caso foi registrado em Porto Velho. Menina de apenas oito meses foi socorrida para hospital, mas já chegou morta e com marcas de abuso sexual

pé de bebê arrow-options
Pixabay/Creative Commons
Menina de oito meses morreu

Três pessoas de uma mesma família foram presas na cidade de Porto Velho, capital de Rondônia, por suspeita de envolvimento no estupro e morte de uma bebê de oito meses. A polícia prendeu de forma preventiva são pai, mãe e tio da criança.

Segundo a Rede Amazônica, a recém-nascida foi levada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e chegou lá sem sinais vitais. Um médico plantonista detectou sinais de violência sexual e pediu que exames mais detalhados fossem realizados.

Leia também: Menina é estuprada pelo padrasto, que alega "querer saber se ela era virgem" 

Por causa dos sinais de violência na menina, a Polícia Militar foi acionada. Em depoimento, os três familiares apresentaram versões diferentes sobre o fato ocorrido, o que aumentou as suspeitas dos policiais e fez com que eles pedissem a prisão temporária de 30 dias, podendo ser renovada por mais 30. 

As causas da morte não são conclusivas e a Delegacia de Homicídios da capital ficará responsável pela apuração do caso.