Tamanho do texto

Duas pistas foram interditadas por oferecer risco de vida aos consumidores. Vítima que perdeu couro cabeludo inteiro em acidente passou por cirurgias

Dois frames com mulher antes de ser escalpelada arrow-options
WHATSAPP/REPRODUÇÃO
Vídeos registraram momento anterior ao escalpelamento da mulher em kart no Recife

Após acidente de kart que deixou jovem sem o couro cabeludo no último domingo (11) na Zona Sul do Recife, duas pistas de corrida da cidade nordestina foram interditadas pelo Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon).

A primeira pista a ser fechada foi a Adrenalina Kart Racing, palco do acidente , ainda na segunda-feira. O motivo apontado pelo Procon foi o risco à vida dos consumidores. Os proprietários do local têm até dez dias para apresentar defesa.

Leia também: Mulher tem couro cabeludo arrancado em acidente de kart 

Na terça-feira (13), uma pista localizada no bairro da Torre, Zona Oeste da cidade, também foi interditada pelo Procon por estar com o alvará de funcionamento do Corpo de Bombeiros vencido desde 2017. “Estamos interditando porque coloca em risco a vida das pessoas, especialmente de crianças. O local ficará fechado por tempo indeterminado até regularizar a documentação", contou o secretário de Justiça de Pernambuco, Pedro Eurico.

Estado de saúde da vítima

Débora Stefanny Dantas de Oliveira, de 19 anos, teve todo o couro cabeludo arrancado entre pálpebras e a nuca após o cabelo dela prender na engrenagem de um kart. Ela foi encaminhada às pressas por familiares e amigos ao Hospital da Restauração e passou por um procedimento cirúrgico delicado para reimplantação da área atingida.

Segundo o médico responsável pela cirurgia, Jonathan Vidal, cerca de 80% do couro cabeludo de Débora foi reaproveitado e ela conseguia se comunicar com amigos e família na tarde da segunda. No fim do dia, porém, ela precisou passar por nova cirurgia após apresentar um quadro de trombose na área afetada.

A jovem deve passar por mais cirurgias ao longo da semana e deve ficar com cicatrizes por causa do ocorrido.