Tamanho do texto

Massoterapeuta já tinha sido detida uma vez e respondia em liberdade, investigação começou porque ela estaria envolvida na morte de uma modelo

Operação que resultou na prisão de Paty Bumbum foi apelidada pela polícia de Roleta Russa, por alusão ao jogo de sorte
Reprodução/TV Globo
Operação que resultou na prisão de Paty Bumbum foi apelidada pela polícia de Roleta Russa, por alusão ao jogo de sorte

A massoterapeuta Patrícia Silvia dos Santos, conhecida como Paty Bumbum, foi presa na manhã desta segunda-feira (6), pela segunda vez, no município de Ciricica, zona oeste do Rio de Janeiro. Ela já havia sido detida no último dia 25, por exercício ilegal da profissão, mas respondia em liberdade.

Leia também: 'Doutor Bumbum' é preso em centro empresarial na Barra da Tijuca

A operação que resultou na prisão de Paty Bumbum foi apelidada pela polícia de Roleta Russa, e investiga a morte da modelo Mayara dos Santos, ocorrida no último dia 20. Além da massoterapeuta, essa operação possui outros dois alvos: Valéria dos Santos Reis e Ohana Hindara de Lima Diniz

Ohama é uma das mulheres que acompanharam Mayara no procedimento. Ela também foi presa nesta segunda-feira. Valéria, por sua vez, não foi encontrada em casa, em Vargem Pequena, e é considerada foragida da Justiça.

Segundo as investigações, que tomam como base depoimentos de duas testemunhas, Paty e Valéria são sócias. Elas negaram à polícia que se conheciam, mas tal divergência de informações motivou ainda mais o pedido de prisão de ambas.

Leia também: Doutor Bumbum diz que procedimento estético foi correto e justiça será feita

De acordo com a polícia e com o apurado pela imprensa até agora, ambas as suspeitas sabiam do risco dos procedimentos estéticos irregulares, contavam com a sorte e mesmo assim realizavam tais cirurgias em suas pacientes.

Patrícia deve responder pelos crimes de organização criminosa e homicídio qualificado, devido à suspeita de envolvimento na morte de Mayara. Inclusive, esta prisão de 30 dias servirá para que a polícia possa esclarecer se Paty e Valéria estavam realmente ligadas à morte da modelo.

O nome Roleta Russa, com o qual a operação foi apelidada, de acordo com o delegado Eduardo Freitas, titular da 42ª DP, foi dado porque "ora os procedimentos davam certo, ora as pacientes sofriam necrose" – ou seja, como no jogo de mesmo nome, o sucesso dependia da sorte da paciente.

De acordo com a polícia Paty teria usado silicone industrial em seus procedimentos estéticos. No mês passado, ao deter a massoterapeuta, a polícia já tinha encontrado silicone industrial e seringas. Hoje, foi encontrado ainda ácido hialurônico na casa de Patrícia, que nega tê-lo usado para preenchimento labial. 

Leia também: Dr. Bumbum atuou como médico no Palácio do Planalto por 16 dias

Paty Bumbum é tida como criminosa porque aplicar silicone industrial em pessoas é considerado crime contra a saúde pública – justamente por não ser um procedimento legal. Além disso, massoterapeutas não têm permissão para realizar tais procedimentos estéticos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.