Problema em Brasília afeta toda a América do Sul, pois é o Inmet que centraliza os dados de toda a região; entenda
Fabio Ito/ELAT/INPE
Problema em Brasília afeta toda a América do Sul, pois é o Inmet que centraliza os dados de toda a região; entenda

Por essa, ninguém esperava. Embora o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) seja responsável por pesquisar e divulgar a previsão do tempo para todo o País, não há estudos que apontem com exatidão onde um raio vai cair durante tempestades. E foi por isso que, na tarde deste domingo (4), não houve previsão para o que aconteceu:

Leia também: Assaltantes invadem aeroporto de Viracopos e roubam dólares durante embarque

Uma descarga elétrica causada por um raio caiu no centro de Brasília, provocando uma pane no computador-geral do Inmet . Tal problema afeta a previsão do tempo não só para todo o País, mas também para a América do Sul. Afinal, o instituto centraliza os dados de toda a região para mandar ao "Sistema de Previsão Global", rodado em Washington, nos Estados Unidos.

O raio veio de uma chuva forte que atingiu todo o Distrito Federal nesse domingo. A descarga elétrica provocou um apagão de quase uma hora, no bairro do Plano Piloto, onde fica o instituto. 

Leia também: Acumulou! Ninguém acerta as seis dezenas da Mega-Sena deste sábado

O incidente ocorreu às 16h, mas afetou o funcionamento de telefones, computadores e até dos televisores do instituto até a manhã desta segunda-feira (5).

Você viu?

Reparo vindo de Curitiba

A empresa responsável pela manutenção do sistema em Brasília fica sediada em Curitiba. De acordo com a Globo News , ela foi avisada sobre o ocorrido e funcionários do serviço técnico devem chegar a Brasília ainda nesta segunda-feira.  Na visita, serão avaliados os estragos causados pelo raio e reparos serão feitos.  O nome da empresa responsável pelo serviço não foi divulgado pelo instituto nacional.

Além do bairro em que está localizado o Inmet, outros pontos do Distrito Federal foram vítimas da forte chuva que caiu neste domingo, como a Asa Sul e o Setor de Indústrias Gráficas. 

O maior problema causado pelas tempestades foi a queda de árvores e, com isso, o bloqueio de vias e a queda de energia.

O Inmet não deu previsões sobre quando a previsão do tempo será normalizada. 

Leia também: Doria cancela ‘bolsa varrição’ criada por Haddad para dependentes químicos

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários