Tamanho do texto

Aeronave foi encontrada em uma região de mata muito fechada e com acesso dificultoso; pela manhã de hoje, os tripulantes foram encontrados sem vida

Família de piloto fica desaparecida após voo no Mato Grosso; FAB realiza operação de buscas
Reprodução/Facebook
Família de piloto fica desaparecida após voo no Mato Grosso; FAB realiza operação de buscas

A Força Aérea Brasileira (FAB) encontrou, nesta terça-feira (12), a aeronave que desapareceu no último sábado (9), com três pessoas da mesma família, em Mato Grosso . Vestígios do que poderia ser o monomotor pilotado por Leandro Ferreira Pascoal foram encontrados por volta das 16h de ontem, mas só na manhã desta quarta-feira (13), foi confirmado que se tratava da aeronave desaparecida.

O piloto embarcou na aeronave com a esposa e o filho no Distrito Nova União, em Colniza, em direção ao município de Juara, também em  Mato Grosso . Leandro levava a esposa, Francieli Reseto Pascoal, e o filho do casal, um menino de 1 ano e 7 meses. Todos foram encontrados mortos, nesta quarta. 

A aeronave foi encontrada em uma região de mata muito fechada, entre os municípios de Juruena e Juara, a 893 km e 690 km de Cuiabá, respectivamente. Por isso, a solução adotada pela Aeronáutica foi a de se buscar uma área mais descampada, na qual foram lançados paraquedistas da FAB, especialistas em resgate.

"Esses militares saltaram do avião que realizava a busca, no caso um SC-105 Amazonas do 2º/10ºGAV 'Esquadrão Pelicano'", especificou a assessoria da FAB, por meio de nota. Porém, o resgate não foi feito na terça. Afinal, "as condições meteorológicas no momento, as características da mata extremamente fechada e o pôr-do-sol impediram que os militares chegassem até o local". 

Leia também: Acidente com ônibus deixa cinco mortos e 27 feridos no interior de São Paulo

"Paralelamente ao lançamento dos paraquedistas, a Força Aérea Brasileira acionou um helicóptero H-1H, também pertencente ao Esquadrão Pelicano, o qual decolou imediatamente de Alta Floresta, local onde encontrava-se em alerta exclusivo para apoiar a operação", continua a nota.

E foi esse helicóptero que, já no final do dia, confirmou que os vestígios da aeronave encontrada eram efetivamente do monomotor modelo Paradise P1, prefixo TU-MMT, pilotado por Leandro.

Na manhã desta quarta-feira, mesmo com condições desfavoráveis na região, as equipes de resgate da FAB seguiram com as buscas em solo e, só então, encontraram os corpos das vítimas. 

Em nota, a FAB confirmou que "infelizmente, todos os três ocupantes – um homem, uma mulher e uma criança – foram encontrados sem vida" e disse que, "no momento, os militares da FAB trabalham no resgate das vítimas".

Últimos contatos

Por volta das 10h30 do último sábado, Leandro disse à família que estava sobrevoando Juruena e que estava a 40 minutos de Juara. Nesse mesmo contato, teria pedido aos familiares que o buscassem no aeroporto. Chegando no local de encontro, a família esperou por horas, mas Leandro não pousou no ponto combinado em Mato Grosso. 

Leia também: Câmara aprova nome de Marisa Letícia para viaduto na zona sul de São Paulo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.