Tamanho do texto

Cinco regiões da cidade de São Paulo estão em estado de alerta; segundo a CGE, potencial para rajada de vento, queda de granizo e alagamentos é alto

Estado de atenção é decretado quando se considera que a chuva tem potencial para a formação de alagamentos
Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas
Estado de atenção é decretado quando se considera que a chuva tem potencial para a formação de alagamentos

A forte chuva que cai em São Paulo nesta sexta-feira (24) de pré-carnaval tem gerado caos no trânsito e deixa cinco bairros em estado de alerta, no final da tarde. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), diversos rios e córregos na zona leste e sudeste transbordaram.

LEIA MAIS: Cidade de São Paulo terá calor e pancadas de chuva durante o carnaval

As demais regiões da capital estão em estado de atenção para alagamentos, por causa da chuva . De acordo com a CGE, já há dezoito pontos intransitáveis na cidade (quatro na zona oeste, oito no zona leste, três na zona sul e três na zona sudeste).

LEIA MAIS: Casos de homicídio têm queda de 4,42% em janeiro em São Paulo, diz governo

Imagens do radar meteorológico mostram precipitação forte com potencial para queda de granizo em toda a zona sudeste. Na zona leste houve uma pequena melhora e as chuvas transcorrem com intensidade moderada, apenas nos bairros da Mooca, Belém, Vila Prudente, Brás, Pari, Belém, Tatuapé, Penha e Cangaíba.

Em toda a zona norte e Centro chove moderado. Enquanto na zona oeste, nos bairros de Pinheiros, Perdizes, Jardim paulista e Itaim Bibi chove forte. O mesmo quadro é observado em toda a zona sul.

A CGE fez uma lista com possíveis medidas para "amenizar os efeitos dos alagamentos":

- Evite transitar em ruas alagadas;

Se a chuva causou inundações, não se aventure a enfrentar correntezas. Fique em lugar seguro. Se precisar, peça ajuda;

- Mantenha-se longe da rede elétrica;

- Planeje suas viagens, para que haja menor possibilidade de enfrentar engarrafamentos causados por ruas bloqueadas;

- Em caso de dúvida sobre vias bloqueadas, ligue para a central de atendimento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) por meio do número 1188.

Previsão para o fim de semana

O sistema de alta pressão atmosférica que dominou o tempo por aproximadamente duas semanas sobre o Brasil começou a perder força, dando espaço para a formação de áreas de instabilidade que provocam chuva forte, principalmente a partir das tardes.

Além disso, uma frente fria se desloca pelo oceano na altura do litoral de Santa Catarina e deve provocar maior variação de nuvens e intensificar as precipitações nos próximos dias. As temperaturas diminuem um pouco, mas ainda vai fazer calor durante o período de carnaval.

No sábado (25), a propagação do sistema frontal pelo oceano causa maior variação de nuvens, mas o sol aparece e deixa o tempo abafado no decorrer do dia. As temperaturas variam entre mínima de 21°C e máxima de 30°C. Durante a madrugada são previstas pancadas isoladas de chuva, porém com menor potencial para formação de alagamentos. As chuvas voltam a ocorrer com forte intensidade e na forma de pancadas a partir da tarde.

LEIA MAIS: Carnaval em São Paulo: saiba o que abre e fecha na capital até quarta-feira

O domingo (26) será marcado por sol entre muitas nuvens e sensação de tempo abafado. Mínima de 20ºC durante a madrugada e máxima em torno dos 29ºC. As taxas de umidade do ar se mantêm elevadas com os menores valores acima dos 55%. O calor e a chegada da brisa marítima a partir do meio da tarde irão favorecer a formação de nuvens carregadas que provocam chuva forte, sem uma região preferencial para o início das precipitações. O potencial para formação de alagamentos permanece alto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.