Tamanho do texto

Bombeiros foram acionados às 22h desta terça, mas só encontraram o barco de Valdemiro às 5h; pastor é o mesmo que sofreu facada no início do mês

Valdomiro posa ao lado dos agentes de resgate; essa é a segunda vez que o pastor
Divulgação/Corpo de Bombeiros
Valdomiro posa ao lado dos agentes de resgate; essa é a segunda vez que o pastor "foge" da morte só nesse mês

O pastor Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, foi resgatado na manhã desta quarta-feira (18) pelo Corpo de Bombeiros após passar a noite em alto mar, dentro de um barco à deriva, em Ilhabela, no litoral de São Paulo.

+ "Não sou bandido", diz Malafaia ao prestar depoimento na Polícia Federal

O pastor – que já ganhou a atenção da mídia neste ano após ter sido esfaqueado em meio a um culto – estava na embarcação com mais dois homens. Segundo os bombeiros, eles foram resgatados perto do Farol da Ponta do Boi.

Por volta das 22h desta terça-feira (17), o Corpo de Bombeiros foi acionado para efetuar o resgate, devido a uma pane elétrica na embarcação de Valdemiro. Mas foi apenas na manhã desta quarta, por volta das 5h, que o barco foi localizado. Ninguém ficou ferido.

Facadas no pescoço (e no bolso dos fiéis)

Essa é a segunda vez que o pastor Valdemiro Santiago "foge" da morte só nesse mês. No último dia 8, o líder religioso levou uma facada no pescoço durante um culto em um templo da Igreja Mundial do Poder de Deus, no Brás, no centro de São Paulo.

+ Pastor "entrega" bispo durante culto: "Cheirou muito pó comigo"

Um dos pastores mais conhecidos do Brasil, Valdemiro realizava o culto, por volta das 8h, quando um desconhecido o atacou. Ele levou 20 pontos no pescoço e se recuperou bem.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito pelo ataque foi preso e encaminhado para a 8º Distrito Policial, no Brás. Ele teria tido uma discussão com o pastor semanas antes do ataque, o que teria motivado o atentado.

Dois dias após o ataque, Valdemiro retornou à Igreja Mundial do Poder de Deus e pediu aos fiéis a colaboração de R$ 8 milhões de reais ao mês. De acordo com ele, o valor lhe é necessário para manter o seu canal de TV, destinado à igreja, no ar.

+ Pastor suspeito de tráfico de drogas é preso

“Deus me deu vocês, não como propriedade, mas como filhinhos, irmãos. Quero ser pai de vocês. Ajudem essa obra. Deus vai lhes dar muito para ajudar”, disse o pastor Valdemiro em meio ao seu culto.