Deputado Estadual Silvio Fávero
Reprodução
Deputado Estadual Silvio Fávero

O deputado estadual de Mato Grosso Silvio Fávero morreu na tarde deste sábado, aos 54 anos, vítima da Covid-19. O quadro do parlamentar se agravou durante a madrugada, com um quadro de infecção generalizada, segundo sua assessoria.

Em fevereiro, Fávero apresentou na Assembleia Legislativa do estado um projeto de lei contra a obrigatoriedade da vacina contra a Covid-19.

Você viu?

O texto afirma que a vacinação deve estar submetida ao direito de escolha do cidadão e impede que o governo do Estado transforme a campanha em compulsória.

Na justificativa, Fávero alega que "atualmente, subsiste insegurança quanto à eficácia e eventuais efeitos colaterais das vacinas, onde apresentam um risco que, sem dúvida alguma, é irreparável, já que os efeitos a curto, médio e longo prazo da vacina são desconhecidos", embora as vacinas aplicadas no país tenham tido aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Alinhado a posições do presidente Jair Bolsonaro, o deputado estadual também compartilhava nas redes sociais publicações contra medidas de isolamento social e defendia tratamento precoce contra a Covid-19 sem eficácia comprovada. Fávero era natural de Umuarama (PR) e deixa a esposa, Katia, e três filhos, Gabriel, Gustavo e João Ricardo.Por conta dos protocolos sanitários, não haverá velório. A Assembleia de Mato Grosso decretou luto oficial de três dias.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários