Tamanho do texto

Deboche nas redes sociais expõe as mazelas do Rio

RIO — O bom humor vira arma contra a censura. A ordem do prefeito Marcelo Crivella para recolher da Bienal do Livro os exemplares do HQ "Vingadores, a cruzada das crianças", que traz uma cena de dois personagens masculinos se beijando, gerou memes na internet, além de muitas discussões nas redes sociais.

Leia mais: Contra a censura de Crivella na Bienal do Rio, famosos postam beijo gay

A hashtag #censuranuncamais é uma das mais compartilhadas no Twitter na manhã deste domingo (8), último dia do evento literário que acontece no Riocentro. Viralizou ainda a imagem que motivou toda esta polêmica em meiio a cenários que revelam situações impróprias com as quais os cariocas precisam conviver.

Na sua conta no Twitter, Tie Vasconcelos, colunista do jornal A Voz da Comunidade, postou um meme com o casal de 'Vingadores' em meio a um buraco da Av. Itacoca, na Zona Norte. Bastou essa postagem para que outras imagens denunciassem o descaso em várias esferas. Há a que chama atenção para o fechamento da Avenida Niemeyer desde 28 de maio, após o desmoronamento de alguns trechos.

meme mostra montagem de beijo gay sobre obra da avenida Niemeyer arrow-options
Reprodução
Fechamento da Avenida Niemeyer é situação imprópria do Rio que virou meme

A superlotação dos ônibus também é lembrada como situação imprópria do Rio, assim como alagamentos como o que aconteceu em 6 de abril, deixando mortos, desabrigados e desalojados. O acúmulo de lixos em comunidades carentes é outro tema das denúncias que apontam os problemas da cidade que precisam ser resolvidos pela prefeitura.

onibus superlotado com beijo gay em montagem arrow-options
Reprodução
Superlotação nos ônibus também virou meme



montagem traz casal gay de HQ se beijando sobre foto de pessoas fugindo da enchente arrow-options
Reprodução
Internautas fazem memes com mazelas reais do Rio de Janeiro


Pabllo Vittar faz protesto em show

Pabllo Vittar promoveu um beijaço na noite de sábado (7), durante show em Brasília. "Nosso amor é livre. A gente tem direito de beijar", disse a cantora. Em seguida, a artista beijou uma pessoa da equipe, enquanto o público fazia o mesmo.

Manifestos na internet

O escritor Laurentino Gomes usou sua conta no Twitter para protestar sobre a censura ao HQ "Vingadores, a cruzada das crianças". " Hoje (sábado, 7 de setembro), enquanto eu autografava meu novo livro, “Escravidão”, oficiais de justiça e policiais percorriam estandes da @bienaldolivro para apreender livros considerados “inadequados” pelas obscurantistas autoridades constituídas. Voltamos à idade das traves. Dia triste para o Brasil! ", postou.

Leia Mais: Bienal - Venda de livros LGBTQ+ aumenta e editorias repudiam ação de Crivella

O cantor Jão também usou esta rede social para manifestar seu repúdio: " Minha única perspectiva otimista pelo que está rolando nesse país é ver que a galera está se engajando e discutindo, principalmente os mais novos. O que q rolou hoje (sábado, 7 de setembro) sobre a Bienal pode parecer bobo, mas tem uma relevância gigante pra gente ver que ainda tem gente boa por aí ".