PF recebe 12 mandados de prisão e réus do mensalão começam a se entregar

Por Wilson Lima e Renan Truffi - iG Brasília e iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Sete réus já se entregaram à PF, entre eles Genoino e Dirceu. Todos os réus serão levados a Brasília

A Polícia Federal em Brasília confirmou nesta sexta-feira (15) o recebimento dos 12 mandados de prisão expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A expectativa é que todos os réus se apresentem espontaneamente à polícia em seus respectivos Estados para depois serem encaminhados à Superintendência da PF no Distrito Federal, o que deve acontecer no domingo. Uma aeronave já está pronta para o transporte.

Nove réus já se apresentaram à PF: o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino, em São Paulo, o primeiro a se entregar; o ex-tesoureiro do PL Jacinto Lamas, em Brasília; o publicitário e operador do mensalão Marcos Valério, a ex-presidente do Banco Rural Kátia Rabello, o ex-deputado Romeu Queiroz, a ex-funcionária de Marcos Valério Simone Vasconcelos, o ex-sócio Cristiano Paz e o também ex-sócio Ramon Hollerbach, em Minas Gerais.

Conheça a nova home do Último Segundo

Leia mais: Advogado de José Genoino confirma mandado de prisão

Oslaim Brito/Futura Press
O ex-presidente do PT José Genoino se entrega na sede da PF em São Paulo

Agentes da PF também estão preparados para ir atrás dos condenados que não se entregarem, mas só poderão cumprir os mandados na residência dos réus durante o dia, ou seja, só a partir de amanhã. Os mandados foram expedidos para ao menos quatro Estados: Minas Gerais, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Distrito Federal e São Paulo.

Uma vez em Brasília, os réus ficarão sob custódia da Polícia Federal até o momento em que o juiz de execuções penais expedir o documento para que cada um cumpra a pena de prisão, respeitando-se o regime (fechado, semiaberto, aberto), o Estado de origem e a comarca. 

O presidente da Corte, ministro Joaquim Barbosa, determinou na tarde desta sexta-feira (15) o trânsito em julgado do processo do mensalão para 16 réus, entre eles Dirceu, Genoino e Valério. Mas nem todos esses réus tiveram o mandado expedido. 

Defesa: Advogados dizem que condenados do mensalão vão se entregar

Barbosa encerra processo do mensalão para 16 réus e emite mandados de prisão

Barbosa usou a prerrogativa de decidir sozinho os casos dos réus e das penas em que não há mais possibilidade de recurso, sem necessariamente submeter essa análise aos demais ministros da Corte.

Veja a lista dos réus que têm mandado de prisão:

- Regime fechado:

1. Henrique Pizzolato, ex-diretor de marketing do Banco do Brasil

2. Marcos Valério, operador do mensalão

3. Cristiano Paz, ex-sócio de Marcos Valério

4. Kátia Rabello, ex-presidente do Banco Rural

5. José Roberto Salgado, ex-executivo do Banco Rural

6. Ramon Hollerbach, ex-sócio de Marcos Valério

- Regime fechado, mas que inicialmente será semiaberto

7. José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil

8. Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT

9. Simone Vasconcelos, ex-funcionária de Valério

- Regime semiaberto:

10. Romeu Queiroz, ex-deputado (PTB)

11. Jacinto Lamas, ex-tesoureiro do PL (atual PR)

12. José Genoino, ex-presidente do PT

Com Agência Estado

Leia tudo sobre: mensalãojulgamento do mensalão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas