Neste domingo, Brasil tem 50% de chance de ganhar seu primeiro Oscar

Carlinhos Brown e Sergio Mendes disputam o prêmio de melhor canção original; "O Artista" é o favorito nas categorias principais

iG São Paulo com agências |

Divulgação
Carlinhos Brown e Sergio Mendes: representantes do Brasil no Oscar 2012
Será que vai dar "O Artista" ? Scorsese e "A Invenção de Hugo Cabret" ? "Os Descendentes" ? Para os brasileiros, a briga pelo principal prêmio do Oscar 2012 , na noite deste domingo (26), não será por melhor filme, e sim em outra categoria. Carlinhos Brown e Sergio Mendes , em parceria com a americana Siedah Garrett, disputam com "Real in Rio", da animação "Rio", a estatueta de melhor canção original.

Siga o iG Cultura no Twitter

O Brasil já concorreu antes ao Oscar, mas nunca teve tanta chance de levá-lo para casa. É que, graças a uma fórmula estranha da Academia de Hollywood , os brasileiros só terão um adversário, a música "Man or Muppet" , de "Os Muppets". Verdade que a maioria absoluta dos sites especializados aponta a vitória das marionetes, mas ainda assim a probabilidade de uma virada é de 50%.

INFOGRÁFICO: CONHEÇA OS INDICADOS AO OSCAR 2012 E FAÇA SUAS APOSTAS

A decepção fica por conta da ausência dos números musicais. Um dos momentos mais tradicionais da festa, a apresentação ao vivo dos indicados a melhor canção foi cortada para diminuir o tempo da transmissão. Carlinhos e Sergio Mendes, portanto, perdem um janela para o mundo inteiro vê-los.

A expectativa pelos ganhadores vai chegar ao fim às 22h, para quando está marcado o início da cerimônia no Hollywood & Highland Center (novo nome do Teatro Kodak). A festa será transmitida no país ao vivo pelo canal pago TNT, e depois do programa "Big Brother Brasil" pela rede Globo. Você poderá acompanhar tudo em tempo real aqui no iG : a repercussão, os astros no tapete vermelho e todos os premiados os Oscar 2012.

nullEstrelas não vão faltar: Natalie Portman, Colin Firth, Christian Bale e Melissa Leo, ganhadores dos prêmios de interpretação em 2011, estarão de volta no palco para entregar estatuetas. A lista, grande, continua com Tom Cruise, Penélope Cruz, Cameron Diaz, Michael Douglas, Angelina Jolie, Emma Stone, Tom Hanks, Halle Berry, Zach Galifianakis e Milla Jovovich, entre muitos outros.

Divulgação
Billy Crystal: apresentador do Oscar detém a maior audiência da festa desde 2004
Depois da performance desastrosa de James Franco e Anne Hathaway no ano passado e da desistência de Eddie Murphy, Billy Crystal ficou com o cargo de apresentador – pela 9ª vez. Aos 63 anos, o comediante é a escolha "comida saudável" para a função – "saboroso, familiar e não muito picante", como disse o colunista de cinema da Entertainment Weekly, Dave Karger.

No cinema ou em DVD: veja como assistir aos filmes do Oscar 2012

Coprodutor da 84ª edição do Oscar, Don Mischer comparou Crystal com o desbocado britânico Ricky Gervais, que apresentou o Globo de Ouro (e decepcionou). "Ricky é entretenimento e tal, mas não acho que o Oscar seja lugar para ser mal humorado, nem para pegar pesado com as pessoas."

Apesar da escolha ser considerada conservadora, não é ao acaso. Na última vez em que Billy Crystal apresentou o Oscar, em 2004, a audiência foi de 43,6 milhões de espectadores nos Estados Unidos, marca que nunca mais foi alcançada. Se os números deste ano superarem os do ano passado , a rede ABC, responsável pela transmissão da festa, já vai comemorar.

E eles bem que estão tentando. Sisuda, a Academia de Hollywood mudou de ideia e deixou o comediante britânico Sacha Baron Cohen ir à cerimônia vestido como o personagem de "O Ditador" . Inicialmente, a entidade tinha pensado até em banir o ator da festa, mas, diante da repercussão da notícia, voltou atrás e deu um par de convites para Baron Cohen, famoso por seu humor politicamente incorreto e postura nada discreta nos eventos em que comparece.

"O Artista" é o franco-favorito

No total, nove longas concorrem ao Oscar de melhor filme – por uma mudança nas regras da Academia, ao invés de dez filmes, só foram indicados os longas que obtiveram no mínimo 5% dos votos na primeira posição (entenda o processo aqui). O líder de indicações, com 11, é "A Invenção de Hugo Cabret" , de Martin Scorsese, uma declaração de amor em 3D à história do cinema, através de um órfão que vive numa estação de trem na Paris da década de 1930.

INFOGRÁFICO: CONHEÇA OS INDICADOS AO OSCAR 2012 E FAÇA SUAS APOSTAS

Scorsese até está cotado para o prêmio de melhor diretor, mas deve ser ofuscado pela febre "O Artista" , que concorre em 10 categorias. Sem diálogos e em preto e branco, a produção francesa se passa na Hollywood dos anos 1920, na transição do cinema mudo para o falado. Adorável (crédito do cãozinho Uggie ) e emocionante, o longa foi o grande protagonista da temporada de prêmios e provavelmente ganhará as principais estatuetas da noite, entre elas filme e direção ( Michel Hazanavicius ).

Divulgação
Jean Dujardin e o cachorro Uggie em "O Artista": favoritos
O francês Jean Dujardin disputa cabeça a cabeça com George Clooney ( "Os Descendentes" ) pelo prêmio de melhor ator. Uma das categorias mais indefinidas deste ano, só se saberá o resultado na noite da festa. Clooney também concorre a melhor roteiro adaptado por "Tudo pelo Poder" , que também dirigiu. Ainda na briga de ator estão Brad Pitt ( "O Homem que Mudou o Jogo" ), o mexicano Demián Bichir ( "Uma Vida Melhor" ) e Gary Oldman ( "O Espião que Sabia Demais" ).

Entre as atrizes, a disputa também está polarizada entre duas concorrentes. Viola Davis, que interpreta uma emprega negra em "Histórias Cruzadas" , assumiu o favoritismo depois da vitória no Sindicato dos Atores , considerada a prévia mais importante. Meryl Streep, indicada 17 vezes ao Oscar, fez um trabalho fenomenal como a ex-primeira-ministra britânica Margaret Thatcher em "A Dama de Ferro" , mas o filme não é tão simpático como "Histórias Cruzadas", um drama racial no sul dos EUA da década de 1960.

"Numa disputa apertada, a academia vai para a atuação que mais lhe comoveu", aponta Dave Karger. "Sim, Meryl teve uma grande atuação, mas é Viola Davis que tem a carga emocional."

Divulgação
Meryl Streep em "A Dama de Ferro"
INFOGRÁFICO: CONHEÇA OS INDICADOS AO OSCAR 2012 E FAÇA SUAS APOSTAS

Michelle Williams corre por fora como a Marilyn Monroe de "Sete Dias com Marilyn" , assim como a novata Rooney Mara em "Os Homens que Não Amavam as Mulheres" , e Glenn Close, caracterizada como homem, no modesto "Albert Nobbs" .

Início pode ditar ritmo da noite

Se há alguma dúvida entre os protagonistas, nas categorias de coadjuvantes não há qualquer expectativa se não a vitória de Christopher Plummer, como um idoso gay em "Toda Forma de Amor" , e de Octavia Spencer em "Histórias Cruzadas". Se ganhar, Plummer, aos 82 anos, será o ator mais velho já premiado pela Academia – seu principal oponente, aliás, é o sueco Max von Sydow, de "Tão Forte e Tão Perto" , também de 82 anos.

Concorrendo a melhor diretor e roteiro original por "Meia-Noite em Paris" , Woody Allen ultrapassou Billy Wilder ao ser indicado pela sétima vez ao mesmo tempo nas duas categorias. Embora deva perder o prêmio de direção para Hazanavicius, Woody provavelmente levará para casa a estatueta de roteiro. Isso se derrotar o iraniano "A Separação" , favorito a filme estrangeiro, e, sempre ele, "O Artista".

AP
George Clooney no almoço oficial dos indicados: favorito por "Os Descendentes"
Especialistas apontam que as primeiras categorias da festa já darão pistas sobre o grande vencedor da noite. Se "O Artista" começar a acumular troféus em quesitos técnicos, como figurino e fotografia, terá mais chances de sair aclamado. Se não, o ganhador de melhor filme ficará em suspense até que o último envelope seja aberto.

"Pode ser um ano interessante", disse à Reuters David Poland, do site Movie City News. "A outra coisa é que pode ser exatamente o que todos estão esperando."

Veja também: Academia estende tapete vermelho do Oscar em Hollywood

O ganhador inconteste, no entanto, é Harvey Weinstein, responsável pela produção e distribuição dos concorrentes mais importantes. Por trás do sucesso de "O Discurso do Rei" no ano passado, é ele também o grande divulgador de "o Artista" na indústria hollywoodiana, sem contar seu papel em "A Dama de Ferro", "Sete Dias com Marilyn" e "W.E. - O Romance do Século", de Madonna. Se alguém certamente sairá com algum prêmio, mesmo nos bastidores, esse alguém é ele.

* com Reuters e AFP

null

    Leia tudo sobre: oscarcinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG