Cães de rua ameaçam população da Índia

Com execução proibida por lei, cachorros se multiplicam nas ruas do país, onde 20 mil morrem por causa da raiva por ano

NYT |

NYT

As vítimas dos ataques entram mancando em um dos maiores hospitais de Nova Délhi. Entre as centenas de pessoas que estiveram no hospital recentemente estavam crianças que foram encurraladas em suas casas, estudantes emboscados a caminho da escola e idosos que voltavam do trabalho.

Todos contaram a mesma assustadora história: ataques de cães de rua.

Leia também:  'Limpa-orelhas' revelam variedade em serviços de rua na Índia

NYT
Crianças brincam em monte de areia no qual cachorro dorme em Nova Délhi, na Índia (02/08)

Deepak Kumar, 6, tinha uma marca nas costas de um cão que invadiu o barraco de sua família. "Eventualmente conseguimos fechar o portão de nossa casa e matamos o cachorro", disse o pai de Deepak, Rajinder.

Nenhum país tem um número de cães de rua tão grande quanto a Índia, e nenhum país sofre tanto com eles.

Hoje, existem milhões de cães de rua no país e milhões de pessoas são mordidas por ano, incluindo um grande número de crianças. Estima-se que 20 mil pessoas morrem anualmente de infecções de raiva - mais de um terço do total de afetados pela raiva globalmente.

Uma lei de 2001 proibiu a execução de cães e a população destes animais de rua aumentou tanto que autoridades ao redor do país estão preocupadas.

Leia também:  Menina de 7 anos morre após ser atacada por leopardo na Índia

Em Mumbai, onde mais de 80 mil pessoas relataram ter sido mordidas no ano passado, o governo pretende realizar um censo dos cães de rua usando motocicletas para perseguir os cães e colorir seus pelos com tinta. Um membro da Assembleia Legislativa de Punjab propôs mandar alguns cães para a China - onde os cães às vezes são usados como alimento - depois de mais de 15 mil pessoas no Estado terem informado que foram mordidas no ano passado. Em Nova Dhéli, as autoridades anunciaram recentemente uma campanha de esterilização intensificada.

Malini Jadeja, que vive parcialmente em Nova Délhi, disse que estava andando com seu cachorro Fudge Cake há alguns anos, não muito longe da região de Lodi Gardens quando "dois cães saíram do nada e atacaram."

"Tentei empurrá-los para longe do meu cachorro, mas à medida que segurava um, o outro atacava", disse Jadeja. "Eles mataram Fudge Cake bem na minha frente."

Ela se culpa pela morte do seu cachorro e continua com medo dos cães de rua.

NYT
Cachorro é visto em rua de Nova Délhi, capital da Índia

Especialistas entrevistados disseram que o problema dos cães de rua da Índia só vai piorar até a adoção de uma vacina contraceptiva canina, que atualmente está em processo de criação no laboratório.

O doutor Rosário Menezes, um pediatra de Goa, disse que a Índia não pode esperar tanto tempo assim. Os cães devem ser retirados das ruas mesmo que isso signifique matá-los, disse ele.

"Sou a favor do direito das pessoas de andar pelas ruas sem medo de ser atacadas por matilhas de cães", disse ele.

Por Gardiner Harris

    Leia tudo sobre: cãescachorrosíndiaanimais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG