Tamanho do texto

Pjeter Marku, natural de Kosovo, recuperou 500 francos, todos os seus documentos e também uma antiga nota de 20 mantida como um talismã

O homem, natural de Kosovo, não imaginava que poderia recuperar sua carteira e seu dinheiro 10 anos após perdê-los
Reprodução/20 Minuten
O homem, natural de Kosovo, não imaginava que poderia recuperar sua carteira e seu dinheiro 10 anos após perdê-los


Pjeter Marku, de 46 anos, perdeu sua carteira no outono de 2007, enquanto trabalhava como instalador em um canteiro de obras na cidade de Härkingen, no cantão suíço de Solothurn. O homem, natural de Kosovo, não esperava reencontrar os seus pertences, porém, tudo mudou alguns dias atrás, quando Marku recebeu uma ligação e descobriu que a bolsa fora encontrada com todo seu dinheiro dentro.

Leia também: Ator pornô canibal e 'fumaça de viagra': Relembre 15 histórias bizarras de 2017

De acordo com o jornal suíço 20 Minuten , o homem ficou muito chateado quando perdeu sua carteira . Ela continha seus documentos, cartões de crédito, 500 francos e uma antiga nota de 20, guardada como um amuleto da sorte. Na época, Marku ainda vasculhou todo o local onde a perdera junto de seus colegas, porém, não obteve sucesso. “Eu desisti de ter a bolsa de volta às minhas mãos”, declarou.

Dez anos após o ocorrido, porém, foi surpreendido por uma ligação dos correios de Härkingen que mudou a história: o funcionário do local informou que a bolsa havia sido encontrada, e ele só acreditou que tudo não passava de um mal-entendido depois que se lembrou do incidente em 2007. E tudo passou a fazer sentido.

Leia também: 'Fumaça de fábrica de viagra está causando ereções', alegam moradores de vila

O caso ainda teve mais uma reviravolta: Marku ficou extremamente surpreso quando descobriu que não só recuperou a carteira, mas também tudo o que estava dentro dela. Seus documentos, o dinheiro e a nota de 20, seu talismã, estavam intocados ali dentro. Ele só pode concluir que “os suíços são pessoas realmente honestas”.

A antiga nota de 20

Por mais que reencontrar os 500 francos e seus documentos tenha sido uma grande surpresa para Marku, nada foi mais emocionante do que descobrir que sua querida nota de 20, guardada como um amuleto da sorte, também fora recuperada.

Leia também: Youtuber cimenta a cabeça em micro-ondas e precisa ser resgatado por bombeiros

Mantida desde 1989, ela é especial porque, como conta “naquela época eu vim de Kosovo para a Suíça e só tinha estes 20 francos comigo”. Foi com este dinheiro, recuperado com a carteira, que Marku começou a sua vida no país do oeste europeu, e por isso, ela tem um imensurável valor emocional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.