A maior parte dos raptados tem entre 10 e 15 anos; grupo também sequestrou outras 30 pessoas em ataque a Mabass

O grupo radical islâmico Boko Haram teria sequestrado 80 pessoas, entre elas 50 crianças, em um vilarejo de Camarões, informou neste domingo (18) a imprensa local. Os raptos teriam ocorrido durante um ataque em Mabass, no norte do país.

Leia também: Boko Haram rapta 40 jovens do sexo masculino no Nordeste da Nigéria

Fotos de satélite mostram devastação na Nigéria após ataque do Boko Haram

Um porta-voz do governo camaronês afirmou que ao menos três pessoas foram mortas. A maior parte das crianças sequestradas teriam entre 10 e 15 anos de idade.

O Boko Haram, que tenta colocar em vigor a sharia (a lei islâmica) na Nigéria, realizada vários ataques contra vilarejos, nos quais as casas são incendiadas e os moradores, violentados, sequestrados ou assassinados

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.