Veja as principais frases de Margaret Thatcher

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Ex-premiê britânica, conhecida pela alcunha de Dama de Ferro, morreu nesta segunda-feira após sofrer um derrame

A ex-premiê britânica Margaret Thatcher, que morreu após sofrer um derrame nesta segunda-feira (8) aos 87 anos, se aposentou da vida pública em 2002 e era vista em público com pouca frequência desde então. Conhecida como Dama de Ferro, deixou um legado controverso no Reino Unido pela melhora dos índices econômicos sob o preço da redução do Estado de bem-estar social.

Obituário: Morre aos 87 anos a ex-premiê britânica Margaret Thatcher

Relembre as frases mais marcantes da ex-primeira-ministra:

AP
Margaret Thatcher

Galeria de fotos: Relembre a trajetória de Margaret Thatcher em imagens

Em 10 de outubro de 1968, durante conferência do Partido Conservador:

"Há perigos em consensos: podem ser uma tentativa de satisfazer as pessoas sem se ter uma visão particular sobre nada... Nenhum grande partido pode sobreviver exceto baseado em firmes crenças sobre o que quer fazer"

Em 31 de janeiro de 1976:

"Senhoras e senhores, estou diante de vocês esta noite em meu vestido de gala, com meu rosto suavemente maquiado, meu cabelo penteado...a Dama de Ferro do Mundo Ocidental. Eu? Uma guerreira da Guerra Fria? Bem, sim - se assim eles querem interpretar minha defesa dos valores e liberdades fundamentais para o nosso modo de vida"

Em 10 de outubro de 1980, durante conferência do Partido Conservador:

"Aos que esperam por uma guinada, só tenho uma coisa a dizer: dêem a guinada se quiserem. Essa dama não volta atrás”, em 10 de outubro de 1980, na conferência do Partido Conservador

Em 14 de maio de 1982, sobre a Guerra das Malvinas:

"Quando você passa metade da sua vida política lidando com temas enfadonhos como o meio ambiente, é estimulante ter uma crise real em suas mãos", 

Em 3 de junho de 1982, sobre a Guerra das Malvinas:

"Lutamos para mostrar que a agressão não se paga e que o roubo não pode ser permitido. Lutamos com apoio de tantos ao redor do mundo... Ainda que também tenhamos lutado sozinhos"

Em 21 de julho de 1983, durante discurso a Comunidade Judaica do Reino Unido:

"Eu fui perguntada se estava tentando restaurar os valores vitorianos. Disse diretamente que estava. E estou"

Em 19 de julho de 1984, durante a greve dos mineiros:

"Não há uma semana, um dia, uma hora, que a tirania não possa entrar nesse país se as pessoas perderem sua suprema confiança em si mesmas, e perderem seu espírito desafiante. A tirania sempre pode entrar - não há charme ou barreira contra isso", 

Em 17 de dezembro de 1984, durante conversa com Mikhail Gorbachev:

"Podemos fazer negócios juntos"

Em 6 de janeiro de 1986, durante entrevista na TV:

"Ninguém se lembraria do bom samaritano se ele tivesse apenas boas intenções. Ele tinha dinheiro também"

Em 31 de outubro de 1987, em entrevista:

"Não existe essa coisa de sociedade. Existem homens e mulheres individuais, e existem famílias", 

Em 3 de março de 1989, anunciando o nascimento de seu primeiro neto:

"Somos uma avó", 

Em 3 de maio de 1989, comentando sobre seu 10º aniversário como primeira-ministra:

"Se você quer apenas ser querido, você estaria preparado a se comprometer com nada em qualquer momento e você não conseguiria alcançar nada", 

Com AP

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas