Mandela recebe alta de hospital após 18 dias de internação

Ícone da luta antiapartheid da África do Sul foi internado no dia 8 para tratar de infecção pulmonar e cálculos biliares; essa foi sua mais longa internação médica desde 1990

iG São Paulo |

AP
Mandela recebe alta após tratamento contra infecção pulmonar e cálculos biliares

O ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela recebeu alta do hospital onde recebeu tratamento contra uma infecção pulmonar e cálculos biliares, anunciou a presidência sul-africana. Mandela ficou internado por 18 dias , o período mais longo de hospitalização desde que foi libertado da prisão em 1990.

Sua mulher, Graça Machel, e o presidente sul-africano, Jacob Zuma, o visitaram no dia de Natal, quando disseram que ele estava com bom humor. Segundo Zuma, os médicos estavam felizes com o progresso que houve com a saúde do ícone da luta antiapartheid.

Líder sul-africano: Nelson Mandela é internado para exames

Com 94 anos, Mandela foi internado em um hospital em Pretória no dia 8 para tratar primeiro uma infecção pulmonar antes de passar por uma endoscopia para se livrar de cálculos biliares.

Mandela já havido sido hospitalizado em janeiro de 2011 por uma infecção pulmonar, provavelmente por causa de sequelas da tuberculose contraída durante a sua passagem por Robben Island, onde passou 18 dos seus 27 anos de prisão.

Mandela foi um dos líderes na luta contra o regime do apartheid, presidente da África do Sul entre 1994 e 1999, e prêmio Nobel da Paz em 1993.

*Com AFP e Reuters

    Leia tudo sobre: mandelaáfrica do sulapartheid

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG