Explosões atingem igreja militar ao norte da Nigéria

Atentado deixou 11 mortos e 30 feridos na cidade de Jaji; explosões de dois carros-bomba ocorreram após missa

iG São Paulo | - Atualizada às

Dois carros-bomba explodiram, atingindo uma igreja militar protestante na região do norte da Nigéria, deixando ao menos 11 portos e 30 feridos, informaram autoridades neste domingo (25).

Um ônibus cheio de explosivos primeiro bateu contra a Igreja Saint Andrew depois de uma missa, ao meio-dia do horário local, no quartel militar na cidade de Jaji, no Estado de Kaduna. Depois, um carro estacionado fora da igreja explodiu cerca de 10 minutos depois, enquanto as pessoas corriam do primeiro atentado.

Leia mais:  Vídeo mostra tropas da Nigéria executando prisioneiros em Maiduguri

Saiba também: Ataque deixa 30 mortos na Nigéria; clérigo islâmico denuncia execução

"A primeira explosão não deixou nenhum morto ou ferido, mas fiéis curiosos se reuniram em volta da cena do atentado, para olhar os destroços...e uma segunda explosão ocorreu", disse um porta-voz do Exército ouvido pela BBC.

Leia também:  Atentado contra igreja deixa ao menos 7 mortos e 100 feridos na Nigéria

Jaji é um alvo simbólico, uma vez que abriga o comando das Forças Armadas e um dos principais colégios militares do país africano. O Estado de Kaduna já foi atacado antes pela seita radical islâmica Boko Haram.

A Boko Haram já reivindicou responsabilidade por 760 mortes somente este ano, segundo a contagem feita pela agência Associated Press. 

Até o momento, nenhum grupo reivindicou responsabilidade pelo ataque deste domingo.

Com AP e BBC

    Leia tudo sobre: nigériaigrejaatentadobombaexplosão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG