Segunda usina atômica no Japão retoma geração de energia

Unidade nuclear estava com as operações paralisadas desde o terremoto seguido de tsunami, em março de 2011

Reuters |

Reuters

A usina atômica Kansai Electric Power afirmou que seu reator número 4, de 1,180 megawatts retomou o fornecimento de eletricidade à rede neste sábado. 

Leia também: Manifestação em Tóquio pede o fechamento de todas as centrais atômicas

Comissão do Japão: Erros humanos causaram crise nuclear de Fukushima

Foi a segunda unidade nuclear do Japão a retomar as operações desde a crises do ano passado, em Fukushima , que levaram à paralisação de todas as unidades.

O movimento acontece três dias após a unidade ter sido reiniciada, e o reator deve retomar sua capacidade total de geração de energia em torno de 25-28 julho.

O Japão ficou dois meses sem energia das usinas atômicas até 5 de julho, quando a unidade 3 foi retomada pela primeira vez desde que o terremoto seguido de tsunami , em março de 2011, que prejudicou o complexo nuclear de Fukushima.

O Japão paralisou o último de seus reatores no início de maio, deixando o país sem energia nuclear pela primeira vez desde 1970. Todos, menos dois dos 50 reatores nucleares foram fechados em meio a preocupações de segurança, e a falta é atendida por geração a partir de combustíveis fósseis.

    Leia tudo sobre: usina nuclearJapãoFukushimaterremoto no Japãotsunami

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG