Elizabeth 2ª celebra Jubileu de Diamante em corrida de cavalos

Monarca dá início a quatro dias de celebrações por seus 60 anos de reinado em tradicional evento de Epsom, na Inglaterra

iG São Paulo |

A rainha Elizabeth 2ª deu início a quatro dias de celebrações por seu Jubileu de Diamante ao assistir à famosa corrida de cavalos de Epsom, no sul da Inglaterra, neste sábado. As celebrações dos 60 anos da monarca no trono britânico, que acontecem durante todo o ano, têm seu ápice entre 2 e 5 de junho, para quando estão marcadas festas de rua, shows, missas e outras homenagens.

Infográfico: Veja 60 curiosidades sobre a rainha Elizabeth 2ª

AP
A rainha Elizabeth 2ª chega à corrida de cavalos em Epsom, na Inglaterra, como parte da celebração de seu Jubileu de Diamante

Elizabeth 2ª, que é fã de cavalos ecomparece à corrida quase todos os anos, percorreu a pista de carro e foi muito aplaudida por cerca de 150 mil pessoas que estavam no local, muitas delas vestindo trajes de gala.

Leia também:  Elizabeth 2ª personifica imagem de 'rainha do mundo'

A rainha chegou ao hipódromo acompanha de seu marido, o duque de Edimburgo, e dos filhos Andrew e Edward. Antes de a prova começar, a cantora Katherine Jenkins interpretou o hino britânico.

Neste ano, nenhum cavalo da rainha competiu na prova. Em 1953, quatro dias após sua coroação, ela viu seu puro-sangue Aureole chegar em segundo lugar. No ano passado, seu cavalo Carlton House ficou em terceiro. Em 60 anos de reinado, Elizabeth 2ª nunca viu um de seus animais vencer a disputa.

Quando Elizabeth Alexandra Mary nasceu, em 21 de abril de 1926, não era esperado que se tornasse rainha: ela era a terceira na linha de sucessão, atrás do príncipe Edward e de seu pai, o príncipe Albert (depois coroado rei George 6º).

Mas após a abdicação do tio (em 1936) e a morte de seu pai (em 1952), Elizabeth se tornou rainha, com a cerimônia de coroação - com juramento ao posto - ocorrendo em 2 de junho de 1953. Hoje, é a segunda monarca que ficou mais tempo no trono, atrás apenas da rainha Victoria, que governou por 63 anos.

Com EFE

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG