Motoristas terão até julho de 2016 para se acostumarem à nova regra, que foi sancionada nesta terça-feira por Michel Temer

Agência Brasil

Condutor que não mantiver o farol baixo ligado em rodovias poderá ser multado
José Cruz/Agência Brasil
Condutor que não mantiver o farol baixo ligado em rodovias poderá ser multado

O presidente interino Michel Temer sancionou nesta terça-feira a lei que torna obrigatório o uso de farol baixo em rodovias durante o dia. Quem desrespeitar a nova regra, que alterou o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), ficará sujeito a multa de R$ 85,13, além de receber quatro pontos na Carteira de Habilitação.

Manter os faróis acesos em luz baixa durante o dia já era medida obrigatória a ônibus, ao circularem em faixas próprias, e às motos. Para os carros, a obrigatoriedade ocorria dentro de túneis, independentemente do horário.

O valor da multa, porém, irá aumentar a partir de novembro, quando o governo reajustará os preços - infrações médias, como a do farol baixo nas rodovias, vão crescer 52% e passarão a cobrar R$ 130,16.

A medida sancionada nesta terça-feira já havia sido sugerida pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.