Uso do Enem vêm sendo acordado com instituições portuguesas de ensino superior desde 2014; último acordo foi assinado na quinta-feira (16)

Sobe para 21 o número de instituições portuguesas que aceitam o Enem como parte do processo seletivo para brasileiros
shutterstock
Sobe para 21 o número de instituições portuguesas que aceitam o Enem como parte do processo seletivo para brasileiros

Mais três instituições de ensino superior portuguesas passarão a aceitar as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para a seleção e admissão de alunos brasileiros. São elas o Instituto Universitário de Ciências da Saúde, a Escola Superior de Saúde do Vale do Ave e a Escola Superior de Saúde do Vale do Sousa.

Leia também: Temer recebe ligação de Trump para falar sobre reformas em curso nos países

A utilização do Enem vêm sendo acordada com instituições portuguesas de ensino superior desde 2014. O último acordo de cooperação foi assinado na quinta-feira (16) pela presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini, e pela Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (Cespu), mantenedora das três instituições acima, localizadas na região da cidade do Porto.

Luis Manuel Duarte Martins da Silva, diretor da Cespu, afirmou que, atualmente, 20% das vagas nas instituições são direcionadas a estudantes estrangeiros. Para selecionar brasileiros para seus cursos de graduação, a Cespu vai usar a nota da prova de Ciências da Natureza e Suas Tecnologias. A nota do Enem será somada com a média das notas do ensino médio do candidato. 

Leia também: Dinheiro recuperado pela Lava Jato no Rio será usado para pagar aposentados

Confira a lista das demais instituições de Portugal que utilizam os resultados do Enem para selecionar brasileiros no processo seletivo:

Universidade de Coimbra;
Universidade de Algarve;
Instituto Politécnico de Leiria;
Instituto Politécnico de Beja;
Instituto Politécnico do Porto;
Instituto Politécnico de Portalegre;
Instituto Politécnico do Cávado e do Ave;
Instituto Politécnico de Coimbra;
Universidade de Aveiro;
Instituto Politécnico de Guarda;
Universidade de Lisboa;
Universidade do Porto;
Universidade da Madeira;
Instituto Politécnico de Viseu;
Instituto Politécnico de Santarém;
Universidade dos Açores;
Universidade da Beira Interior;
Universidade do Minho;
Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (Instituto Universitário de Ciências da Saúde, Escola Superior de Saúde do Vale do Ave e Escola Superior de Saúde do Vale do Sousa).

Leia também: Por hidrelétrica, Odebrecht diz ter acertado repasse de R$ 50 milhões a Aécio

Com a entrada das três novas universidades, sobe para 21 o número de instituições de ensino superior portuguesas que aceitam a nota do Enem como parte do processo seletivo para estudantes brasileiros.

    Leia tudo sobre: Enem