Acidente com instrumento de 400 anos ocorreu durante sessão de fotos no Palácio Espanhol

Violoncelo Stradivarius similar ao quebrado
Divulgação
Violoncelo Stradivarius similar ao quebrado
Um violencelo Stradivarius avaliado em R$ 38 milhões quebrou durante uma sessão de fotos no Palácio Real Espanhol. O porta-voz do Patrimônio Nacional da Espanha se negou a comentar as circunstâncias do acidente, mas confirmou o dano.

Siga o iG Cultura no Twitter

De acordo com a entidade, o acidente ocorreu há três semanas, embora só tenha sido noticiado nesta segunda-feira (07) pelo jornal El Mundo, que obteve a informação de uma fonte anônima. O braço do instrumento, fabricado no século 17, teria se soltado do corpo depois de cair de cima de uma mesa.

A peça que une as duas partes não era original e havia sido colocada no século 19. O Patrimônio Nacional garantiu que a peça "pode e será trocada".

Leia também: Stradivarius alcança recorde de R$ 25,3 milhões em leilão

O órgão se negou a comentar o valor do violencelo de 400 anos, mas um especialista da casa de leilões Sotheby's de Londres afirmou que o instrumento vale R$ 38 milhões ou mais.

O violencelo Stradivarius integra, ao lado de dois violinos e uma viola, um conjunto conhecido como "O Quarteto", por todos terem sido adquiridos ao mesmo tempo pela coroa espanhola.

Leia também: Violinos antigos não são melhores que novos, diz estudo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.