Expedição em caverna profunda estudará peixe da era dos dinossauros

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

Celacanto era dado como extinto até os anos 30 e evoluiu ao seu estado atual há 400 milhões de anos. Veja o vídeo

BBC

Uma equipe de pesquisadores partirá nesta segunda-feira (8) para uma expedição em cavernas profundas da África do Sul para tentar encontrar um peixe extremamente raro que é chamado de um ''fóssil vivo''.

O celacanto teria evoluído ao seu estado atual há cerca de quatrocentos milhões de anos.

E os biólogos terão que mergulhar a mais de cem metros em cavernas em uma baía na costa oeste do país para alcançá-los.

Leia mais: Peixe pode viver mais de 100 anos

Os pesquisadores pretendem instalar dispositivos acústicos no peixe para estudar seu comportamento e captar imagens tridimensionais de seu corpo em movimento.

O líder da expedição, Laurent Ballesta, da organização Andromede Oceanology, disse que os animais são tão raros que se deparar com um deles é quase como encontrar um dinossauro.

O celacanto era dado como extinto até o final da década de 30, quando espécimes foram encontrados no litoral da África do Sul.

Leia tudo sobre: celacantoexpedição

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas