Baleias brancas podem imitar voz humana, diz estudo

Pesquisadores descobriram que misteriosos sons, parecidos com os de uma conversa entre duas pessoas, eram originários de uma baleia que estava no tanque do centro de pesquisa

EFE |

EFE

AFP
Uma baleia branca, como a da foto, foi capaz de imitar sons humanos

Pela primeira vez, pesquisadores puderam mostrar com análises acústicas que baleias, ou melhor, uma baleia branca em especial, pode imitar a voz humana. Pesquisadores da Fundação Nacional de Mamíferos Marítimos em San Diego descobriram que sons identificanos em gravações como humanos eram na verdade da baleia Noc.

Tudo começou em 1984 quando o cientista Sam Ridgway e seus colegas notaram sons pouco comuns próximos do tanque dos golfinhos e das baleias, similares a uma conversa distante entre duas pessoas, mas que não era possível compreender.

Dias depois, os pesquisadores ficaram sem reação quando uma mergulhadora emergiu do tanque das baleias e perguntou a seus colegas quem tinha dado a ordem para que saísse.

Uma análise acústica determinou que os sons vinham de uma fonte surpreendente: uma baleia branca macho chamada Noc.

Ouça som da baleia Noc: 

"Nossas observações sugerem que a baleia teve que modificar sua mecânica vocal para fazer sons parecidos com a fala", afirmou Ridgway, que atribuiu os esforços do mamífero à necessidade de estabelecer contato com os humanos.

Noc tinha vivido com golfinhos e outras baleias brancas e tinha sido visto frequentemente com seres humanos.

Leia mais:
Baleias sabem lidar com ruídos subaquáticos produzidos pelo homem
Golfinhos têm assobio único que usam para saudar outros animais
Poluição sonora nos oceanos estressa baleias, diz estudo

Os autores do estudo que será publicado nesta terça-feira no periódico científico Current Biology.explicam que não é a primeira vez que tiveram a sensação de achar que as baleias pareciam imitar os humanos, mas neste caso decidiram recolher provas indubitáveis.

Ao gravar os sons de Noc, descobriram um ritmo similar ao da fala humana e frequências mais baixas que os sons típicos das baleias, muito mais próximos das vozes humanas.

"Os sons que escutamos eram um claro exemplo de aprendizagem vocal por parte da baleia branca", afirmou Ridgway.

O fenômeno é duplamente surpreendente porque as baleias fazem sons através de seu duto nasal e não da laringe como as pessoas, e para fazer os sons humanos, Noc teve que variar a pressão em seu trato nasal e fazer outros ajustes musculares, o que não é fácil.

Noc passou trinta anos na Fundação Nacional de Mamíferos Marítimos e morreu há cinco anos, mas sua voz ainda pode ser ouvida na gravação realizada pelos cientistas.

    Leia tudo sobre: baleia brancaanimais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG