PM prende quatro suspeitos de planejar ataque a quartel em Osasco

Polícia acredita que dois dos presos pertencem ao PCC. Veículo com armas, munições e lista com endereço de agentes militares estava estacionado atrás do quartel

Agência Estado |

Agência Estado

Quatro homens, dois deles suspeitos de pertencerem ao Primeiro Comando da Capital (PCC), foram presos, no início da madrugada desta terça-feira, no bairro Rochdale, em Osasco, na Grande São Paulo, próximo à sede do Comando de Policiamento de Área Metropolitano VIII (CPAM-8), onde fica o centro de operações da Polícia Militar.

Leia também:  Famílias de PMs mortos durante folga receberão seguro

Helio Torchi/Futura Press
Armas, munições e quantia em dinheiro foram apreendidos pela PM. Dois dos presos pertencem ao PCC

Segundo a PM, há suspeita de que o grupo preparava-se para atacar bases da corporação na região. Abordados na rua Analândia, os quatro suspeitos ocupavam um Citroën C3 preto, denunciado por moradores do bairro que vinham estranhando a atitude dos desconhecidos. Dentro do Citroën e de um Ford EcoSport, também preto e cujas chaves estavam com o grupo abordado no primeiro veículo, foram encontrados quatro armas, sendo três revólveres, munições de diversos calibres, R$ 6 mil em dinheiro. Outros integrantes do bando conseguiram fugir em um Chevrolet Cativa.

Dois PMs são mortos a tiros em diferentes regiões de São Paulo

O EcoSport estava estacionado atrás do quartel. A polícia acredita que os criminosos pretendiam atacar policiais militares ou bases da corporação. Com um dos suspeitos, foi apreendido um bilhete com o endereço de alguns policiais. Um dos PMs mora próximo de onde o grupo foi preso.

Todos foram levados para o plantão do 10º Distrito Policial, do Jardim Baronesa, e autuados em flagrante por porte ilegal de armas e formação de quadrilha. Segundo a polícia, os integrantes do grupo saíram da cadeia há um ano e têm passagens por roubo, sequestro, homicídio e formação de quadrilha.

    Leia tudo sobre: ataquesapoliciaosascoataque a quartel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG