“Papa trouxe bênção e asfalto para Varginha”, diz moradora da favela

Por iG Rio de Janeiro - Nina Ramos | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Moradores comemoram melhorias na favela do Complexo de Manguinhos para a visita do papa Francisco

O dia 25 de julho vai ser sempre lembrado pelos moradores da favela de Varginha, no Complexo de Manguinhos, zona norte do Rio de Janeiro. É neste dia que o campo de futebol ficou tomado por fiéis que esperavam ansiosamente o papa Francisco. 

Saiba mais sobre a Jornada Mundial da Juventude

Moradora que recebeu o papa em casa fala ao iG. Assista abaixo:

Mas Varginha ganhou mais que a bênção do Santo Padre. A comunidade ganhou melhorias significativas para sua população. Segundo Jéssica Silva, de 23 anos, antes do anúncio da visita do papa, Varginha não era prioridade para as autoridades. “Vou te falar que nunca vi o campo de futebol tão cheio. Ele não deixa de ser uma celebridade, né? O melhor é que o papa vai deixar sua bênção em Varginha, mas também trouxe asfalto para as ruas, saneamento básico para as casas e até a poda das árvores, que estavam esquecidas”, disse.

Assista ao depoimento de Jéssica sobre as melhorias na favela:

Poucas casas para frente, na Rua Carlos Chagas, dona Maria Lúcia dos Santos ainda estava tentando entender o que havia acontecido em sua sala. Minutos antes, o papa em pessoa entrou pela porta para rezar com a família escolhida. “Foi o Espírito Santo que indicou o caminho para ele escolher nossa família. Ele entrou, abençoou cada um aqui e nós rezamos uma Ave Maria no final. Foi uma emoção muito grande. Eu só acreditei que ele realmente viria quando o vi na rua”, contou, emocionada.

Nina Ramos/iG Rio
Campo de futebol ficou lotado de fiéis na passagem do papa Francisco

Papa Francisco passou pela pequena Capela de São Jerônimo de Emiliani, depois caminhou no meio da comunidade, falou com moradores, beijou crianças, visitou dona Maria Lúcia e entrou no campo de futebol de Varginha. Com muita lama nos pés, fiéis cantavam e gritavam palavras de amor para o religioso sem se importarem com a chuva e o frio.

Quem adorou o mau tempo foi Claudia da Silva. Por volta de 10h30, a vendedora já tinha faturado R$ 250 com capas de chuva. “Cada capa é R$ 5. Hoje está bom demais!”, disse rapidamente e já abordando o próximo cliente: “Capa? Capa? Olha a chuva, olha a capa...”.

Papa encerra sua participação na Festa da Acolhida: "Jesus nos espera, Jesus conta conosco". Foto: APPapa fez coro mais uma vez a um dos slogans da JMJ. "Bote fé e a vida terá um sabor novo. Bote fé, bote esperança e bote amor", disse. Foto: Gabriela Bilo/Futura PressPapa Francisco participa da celebração da Cerimônia de Acolhida, em Copacabana. Foto: Gabriela Bilo/Futura PressDurante Festa da Acolhida, papa Francisco discursou aos peregrinos: "Fé é maior que o frio e a chuva", disse. Foto: Gabriela Bilo/Futura PressPapa Francisco chega para Festa da Acolhida, em Copacabana, no Rio de Janeiro. Foto: Gabriela Bilo/Futura PressA pé, alguns peregrinos pularam grades de proteção para encurtar caminho em Copacabana. Foto: Vivian FernandezMovimentação em Copacabana para o evento com o papa começou cedo. Foto: Vivian FernandezCom trânsito interrompido, peregrinos a pé mudam paisagem de Copacabana. Foto: Vivian FernandezMesmo com frio, alguns peregrinos optaram por usar sandálias. Foto: Vivian FernandezCapa de chuva se tornou peça indispensável para peregrinos da Jornada Mundial da Juventude 2013. Foto: Vivian FernandezFiéis usam bandeiras de seus países nas atividades da Jornada Mundial da Juventude. Foto: Vivian FernandezTemperaturas baixas pegaram peregrinos de surpresa no Rio de Janeiro. Foto: Vivian FernandezPeregrinos chegaram a pé em Copacabana para bêncão do papa. Foto: Vivian FernandezTrânsito foi interrompido nas imediações de Copacabana para a visita do papa. Foto: Vivian FernandezSoldados tentam caminha na enlameada Guaratiba, nesta quinta-feira. Foto: APFiéis enfrentam vento e chuva para acompanhar a Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, zona sul do Rio. Foto: Gabriela Bilo/Futura PressSoldados chegam a Guaratiba nesta quinta-feira. Chuva impossibilitou que o local seja usado no sábado e domingo. Foto: Jadson Marques/Futura PressJMJ em Copacabana. Foto: ReutersFiéis enfrentam vento e chuva para acompanhar a Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, zona sul do Rio. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressFiéis enfrentam vento e chuva para acompanhar a Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, zona sul do Rio. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressFiéis enfrentam vento e chuva para acompanhar a Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, zona sul do Rio. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressFiéis enfrentam vento e chuva para acompanhar a Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, zona sul do Rio. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressFiéis enfrentam vento e chuva para acompanhar a Jornada Mundial da Juventude em Copacabana, zona sul do Rio. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressBlindados do Exército chegam a Guaratiba para promover a segurança do papa Francisco. Foto: Futura PressCampo de futebol ficou lotado de fiéis na passagem do papa Francisco. Foto: Nina Ramos/iG RioPapa balança bandeira da Argentina em frente à Catedral Metropolitana, no Rio. Foto: STEFANO RELLANDINI/REUTERS/NewscomPapa em encontro com fiés argentinos, no Rio. Foto: Tomaz Silva/ABrPapa Francisco discursa para fiéis argentinos. Foto: Ueslei Marcelino/ReutersJovem argentino participa de encontro com o papa Francisco. Foto: UESLEI MARCELINO/REUTERS/NewscomO Papa Francisco visita nesta quinta-feira (25), a Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro (RJ). Foto: Ale Silva/Futura PressFiéis recebem papa Francisco na favela de Manguinhos. Foto: ReproduçãoFieis recebem papa Francisco na favela do Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressFieis recebem papa Francisco na favela do Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressFieis recebem papa Francisco na favela do Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressPapa encontra fiéis na favela de Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressFieis recebem papa Francisco na favela do Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressPapa visita a favela de Manguinhos, no Rio. Foto: Carlos Moraes/Ag. O DiaPapa mostra presente de morador da favela de Manguinhos. Foto: Associated PressFieis recebem papa Francisco na favela do Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressPapa encontra fiéis na favela de Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressPapa encontra fiéis na favela de Manguinhos, no Rio. Foto: Associated PressPapa encontra fiéis na favela de Manguinhos, no Rio. Foto: PILAR OLIVARES/REUTERS/NewscomPapa encontra fiéis na favela de Manguinhos, no Rio. Foto: PILAR OLIVARES/REUTERS/NewscomPapa chega à favela de Manguinhos, no Rio de Janeiro. Foto: Associated PressMoradores de Manguinhos esperam a chegada do papa na comunidade. Foto: Associated PressMoradores de Manguinhos esperam a chegada do papa na comunidade. Foto: Associated PressMoradores de Manguinhos esperam a chegada do papa na comunidade. Foto: Associated PressMoradores de Manguinhos esperam a chegada do papa na comunidade. Foto: Associated PressMoradores de Manguinhos esperam a chegada do papa na comunidade. Foto: Associated PressMoradores de Manguinhos esperam a chegada do papa na comunidade. Foto: Associated PressMoradora de Manguinhos espera a chegada do papa Francisco. Foto: PILAR OLIVARES/REUTERS/NewscomPapa recebe camisa do Flamengo das mãos de Zico. Foto: Alessandro Costa / Agência O DiaO ex-jogador de basquete Oscar Schmidt recebe bênção de papa Francisco. Foto: Reprodução/TV GloboO ex-jogador de basquete Oscar Schmidt chega ao Palácio da Cidade no Rio de Janeiro (RJ), para pedir a bênção do papa. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressO Papa Francisco recebe as chaves da cidade do Rio de Janeiro. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressPapa recebe a chave da cidade . Foto: Alessandro Costa / Agência O DiaO Papa Francisco abençoa a bandeira dos jogos Olímpicos de 2016. Foto: Roberto Vazquez/Futura PressPapa segue para a comunidade de Varginha, Manguinhos. Foto: Roberto Vazquez/Futura Press

Seu José Severino da Silva, de 65 anos, dono de uma laje na Carlos Chagas, nunca pensou que sua rua fosse conquistar fama internacional. Devoto de Nossa Senhora Aparecida, o senhor viaja todos os anos em caravana para Aparecida, no interior de São Paulo, onde o papa rezou uma missa na última quarta-feira (24). “É muito bonito ver o campo de futebol cheio assim. Eu estou muito feliz”, contou.

Leia tudo sobre: jmjjmj2013jornada mundial da juventudepapapapa francisco

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas