Chefe do tráfico no Rio se entrega à polícia com ajuda do AfroReggae

Cristiano Santos Guedes, o Puma, comandava favelas na zona norte da capital e na Baixada Fluminense

iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

Divulgação
Puma se entregou hoje com ajuda do AfroReggae

Apontado como chefe do tráfico no morro da Quitanda, em Costa Barros, na zona norte do Rio de Janeiro e em favelas de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, Cristiano Santos Guedes, o Puma, se entregou à polícia nesta quarta-feira (27).

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, ele teria abandonado o crime e pediu ajuda da ONG AfroReggae para se entregar.

Policiais tinham informações de que Puma pretendia se entregar desde o início do ano. Antes da favela da Rocinha, na zona sul da capital, ter sido ocupada pela PM em novembro do ano passado, o traficante ficou escondido durante um bom tempo na comunidade. Ele era vinculado à facção criminosa Amigos dos Amigos (ADA).

O Disque-Denúncia estava oferecendo R$ 2 mil por informações que ajudassem em sua captura. Puma responde a um processo por homicídio que tramita na 2ª Vara Criminal da Capital do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.




    Leia tudo sobre: traficanteafroreggae

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG