Junto com indústria e construção, setores ocupavam metade dos brasileiros em 2010

Metade dos brasileiros ocupados por atividade econômica do País trabalha em quatros das 21 seções de atividades divididas pelo Censo 2010, divulgou nesta sexta-feira o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Só as categorias ‘Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas’ e ‘Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura’ possuem mais de 30% dos postos ocupados no País.

De acordo com o Censo 2010, a atividade ‘Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas’ concentrava 17% das pessoas ocupadas; a ‘Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura’, 14,2%; a ‘Indústrias de transformação’, 11,8%; e a ‘Construção,’ 7,3%.

Além dessas quatro seções de atividade, outras três ainda tiveram participação na população ocupada acima de 5%: ‘Serviços domésticos’ (6,9%), que se caracteriza por ser a que apresenta a mais acentuada predominância feminina; ‘Educação’ (5,6%); e ‘Administração pública, defesa e seguridade social’ (5,4%). Reunindo-se as seções ‘Indústrias extrativas’; ‘Eletricidade e gás’; e ‘Água, esgoto, atividades de gestão de resíduos e descontaminação’, esse grupamento tem somente 1,4% das pessoas ocupadas. No conjunto das seções restantes, todas de serviços, ficaram 24,2% das pessoas ocupadas.

Nível de ocupação

Maioria dos brasileiros está empregada no setor de comércio
Divulgação Magazine Luiza
Maioria dos brasileiros está empregada no setor de comércio
Segundo o Censo, de 2000 para 2010, o nível da ocupação das pessoas de 10 anos ou mais de idade subiu de 47,9% para 53,3% no País. Esse indicador aumentou em todas as regiões, sendo que as taxas de crescimento alcançadas nesse indicador das regiões Sul (12,5%), Sudeste (12,7%) e Centro-Oeste (12,9%) foram ainda mais expressivas que as das regiões Norte (9,2%) e Nordeste (8,1%).

De 2000 para 2010, o nível da ocupação da região Sul cresceu de 53,5% para 60,1%, ficando como o mais elevado, enquanto que o da região Nordeste aumentou de 43,6% para 47,2%, permanecendo como o mais baixo. O nível da ocupação da região Norte passou de 45,3% para 49,4%, de 2000 para 2010, continuando mais próximo do resultado da região Nordeste do que daqueles das regiões Sudeste (54,8%) e Centro-Oeste (57,9%) em 2010.

Outras divulgações do Censo 2010:
-
País de extremos, Brasil tem 190.755.799 habitantes
-
Censo revela os extremos do Brasil
-
No País em que homens são minoria, Mato Grosso é exceção
-
Maranhão é o Estado mais rural do Brasil
-
IBGE: Brasil possui 190,7 milhões de pessoas
-
População começará a recuar a partir de 2040

-
Mais 80% das mortes entre 20 e 24 anos são de homens
-
2,7 milhões de brasileiros não têm energia elétrica
-
Famílias estão menores e mais abertas
-
Zona rural e idosos elevam taxa de analfabetos
-
10% mais ricos têm 44,5% da renda dos brasileiros
-
Homens são 80% das mortes entre 20 e 24 anos
-
Pretos e pardos recebem quase a metade que brancos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.