Procurador Deltan Dallagnol.
Fernando Frazão / Agência Brasil
Procurador Deltan Dallagnol.

Nesta terça-feira (8), o senador Renan Calheiros (MDB-AL) criticou a punição do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) contra o procurador Deltan Dallagnol .

O CNMP aplicou a punição de censura ao ex-coordenador da Lava Jato em Curitiba. No entendimento dos conselheiros do MP, Dallagnol interferiu na eleição para a presidência do Senado em 2019.

O processo foi apresentado ao CNMP por Renan Calheiros, que se sentiu prejudicado pela postagem de Dallagnol. Em rede social, o procurador declarou, na época, que, caso Calheiros fosse eleito presidente do Senado , dificilmente uma reforma contra corrupção seria aprovada.

Hoje o CNMP julgou o caso de Dallagnol e, no entendimento de Renan Calheiros, a punição é “ branda ”. O senador disse também que irá entrar com uma ação civil por danos morais.

A punição de censura é a segunda mais grave aplicada pelo conselho. Ela atrasa a progressão na carreira e serve como agravante em outros processos.

    Veja Também

      Mostrar mais