Doria critiou a incoerência de Bolsonaro após postagens de ataque nas redes sociais
Agência Brasil
Governador de São Paulo João Dória

Em coletiva realizada nesta quarta-feira (01) no Palácio dos Bandeirantes, Doria  questionou o comportamendo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que, após adotar discurso moderado em pronunciamento feito ontem em rede nacional, voltou a atacar os governadores hoje pela manhã através das redes sociais.

Veja também: Dirigente municipal do PSL é ouvido pela polícia no caso de ameaças a Doria

No pronunciamento de ontem, Bolsonaro havia admitido a gravidade da pandemia do novo coronavírus e a necessidade de união, sem criticar as medidas de isolamento social. No entanto, menos de 12 horas depois, voltou a criticar os governadores e compartilhou um video em que um homem relata situação de desabastecimento no Ceasa de Belo Horizonte.

"Em qual presidente da república devemos confiar? Aquele que ontem fez uma mensagem moderada em seu pronunciamento ou o que, menos de doze horas depois, faz uma agressão aos governadores? É preciso coerência, presidente. Seja moderado, equilibrado" disparou. "Por enquanto, prefiro levar em consideração a sua manifestação de ontem e desconsiderar a sua manifestação de hoje pela manhã", complementou.

O governador ainda reforçou que, em São Paulo , não há problema de desabastecimento e nem perspectiva para isso. "Todos os mercados estão funcionando regularmente", afirmou.

Veja também: Estudos descobrem nova via de entrada do coronavírus no corpo 

    Veja Também

      Mostrar mais