Tamanho do texto

Com as informações em mãos, a PF espera poder identificar os responsáveis pelas invasões das contas do Telegram de autoridades do governo

Ministro Sergio Moro arrow-options
Isaac Amorim/MJSP
Sergio Moro foi uma das vítimas dos ataques de hackers.

A Polícia Federal (PF) fechou um acordo de delação premiada com um dos hackers responsáveis pelas invasões dos aparelhos celulares de autoridades envolvidas na Operação Lava Jato . Segundo a revista VEJA , Luiz Henrique Molição teria se comprometido a identificar outros três envolvidos nas invasões e a entregar o equipamento utilizado para invadir os aparelhos.

Leia também: Sensação de estar presa", diz esposa de Moro em publicação nas redes sociais

Com essas informações em mãos, a PF espera poder identificar os responsáveis pelas invasões às contas do Telegram de diversos membros do governo. No momento, a suspeita é que havia uma cadeia de comando que comandou todos os ataques.

Ao todo, mais de 80 autoridades do governo tiveram seus aparelhos celulares invadidos pelos hackers. Dentre as vítimas estão ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), do  Superior Tribunal de Justiça (STJ), o Ministro da Justiça, Sergio Moro, e o próprio presidente Jair Bolsonaro.