Tamanho do texto

Programa Nacional de Voluntariado foi lançado nesta segunda-feira, com direito a discurso da primeira-dama e vídeo de promoção no Instagram

Em seu vídeo, Marcela Temer pediu para seus seguidores acompanharem o lançamento do programa de voluntariado
Reprodução/Instagram
Em seu vídeo, Marcela Temer pediu para seus seguidores acompanharem o lançamento do programa de voluntariado

Ainda tímida nas redes sociais, a primeira-dama Marcela Temer publicou, nesta segunda-feira (28), em sua conta oficial do Instagram, um vídeo convocando seus seguidores a assistirem à cerimônia de lançamento do Programa Nacional de Voluntariado – Viva Voluntário . A solenidade aconteceu na tarde desta segunda, no Palácio do Planalto.

Leia também: Michel Temer fala sobre Marcela em parte editada de gravação com Joesley

Apesar de ter sido um convite realizado a todos os seus mais de 19 mil seguidores, o vídeo publicado no Instagram de Marcela Temer não permite comentários, assim como todas as publicações na sua rede social. No Twitter, a primeira-dama tem conta oficial deste janeiro, mas nunca publicou nenhum tweet. Tímida. 

Bom dia! #VivaVoluntário #DiaNacionalDoVoluntariado

Uma publicação compartilhada por Marcela Temer (@marcelatemer) em

O programa Viva Voluntário foi lançado hoje, que é o Dia Nacional do Voluntariado . A iniciativa pretende unir esforços do governo, de organizações da sociedade civil e de empresas, e será coordenado pela Casa Civil.

Cerimônia

Além de Marcela, participaram do evento o presidente Michel Temer , ministros e representantes de organizações da sociedade civil. 

Leia também: Programa de Marcela Temer para a infância é barrado em São Paulo

O presidente Temer disse que o trabalho voluntário representa um retorno ao fundamento da solidariedade, que é essencial para fazer o país avançar. Temer ressaltou que o programa está alinhado com uma das marcas de seu governo que é o diálogo.

“Esse plano nacional é uma iniciativa que vem expandir uma das marcas do nosso governo, que é a abertura ao diálogo. Quanto mais dialogar, tanto melhor para o Brasil. Não se acredita aqui em trabalho solitário, mas em trabalho de equipe”, disse.

Em seu discurso, Marcela disse que o caminho a percorrer para a transformação social é longo, mas com a atuação de sociedade civil e do governo é possível promover uma mudança profunda na sociedade.

“Estamos dando um importante passo para a consolidação e disseminação do voluntariado no Brasil, unindo esforços pelo bem-estar daqueles que mais precisam de apoio e de resposta rápida dos diversos agentes da sociedade brasileira”, disse.

Não tão gratuito assim 

Como incentivo, o decreto que cria o programa de voluntariado prevê o uso de horas nesse tipo de atividade como critério de desempate em concursos públicos ou em processos internos de promoção da administração pública, autárquica e federal.

Há também a previsão de parcerias com a iniciativa privada para que aqueles que somarem determinado número de horas em atividades voluntárias tenham descontos em compras de produtos e em eventos culturais.

Além disso, no evento, foi anunciada uma premiação anual para reconhecer empresas e cidadãos que desenvolvem atividades voluntárias de relevância social. 

Criticada nas redes sociais

Marcela tem motivos para querer fugir da opinião pública. Assim como o governo Temer está com uma péssima aprovação da população, a primeira-dama também não é muito aprovada. Prova disso é que, nesta segunda, a irmã de Marcela Temer compartilhou o vídeo publicado na rede social da primeira-dama e, permitindo comentários, teve que ler diversas críticas a sua irmã. “Pena que vive com um encosto maligno que suga o Brasil”, escreveu um seguidor.

Leia também: Com Marcela Temer como embaixadora, governo lança o programa Criança Feliz

* Com informações da Agência Brasil.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.