Tamanho do texto

Advogados entraram com a reclamação por não terem recebido autorização para filmar o depoimento prestado por Lula ao juiz nessa quarta-feira (10)

Depois de seu depoimento, Lula se uniu à manifestação em seu favor em praça no centro de Curitiba
Ricardo Stuckert - 10.5.17
Depois de seu depoimento, Lula se uniu à manifestação em seu favor em praça no centro de Curitiba

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez uma reclamação disciplinar contra o juiz Sérgio Moro no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A reclamação teria sido realizada pelo fato de o magistrado não ter autorizado que a equipe do petista filmasse seu depoimento, que aconteceu nessa quarta-feira (10) em Curitiba.

Leia também: Lula sabia de caixa dois, diz João Santana

Segundo os advogados de Lula , Moro cometeu violações de direitos e deveres previstos pela lei. Como argumento, eles citaram o Código de Processo Civil, que autoriza que a defesa do réu faça seu próprio registro do depoimento, assim como é permitido à Justiça.

Quando negou o pedido dos advogados, Moro alegou que as imagens capturadas por eles poderiam ser utilizadas para fins “político-partidários” e não só com os propósitos do processo. Caso o CNJ encontre indícios de que o juiz cometeu irregularidades, um processo disciplinar poderá ser aberto contra o magistrado.

Leia também: Força-tarefa da Lava Jato contesta declarações de advogados de Lula

Depoimento

Nessa quarta-feira foi a primeira vez que o juiz e o ex-presidente ficaram frente a frente como parte de processo da Operação Lava Jato. O depoimento sobre o controverso tríplex no Guarujá foi conduzido na sede da Justiça Federal na capital paranaense e teve aproximadamente cinco horas de duração.

O interrogatório marcou o início da etapa final do processo contra o petista. O MPF e a defesa do réu poderão pedir as últimas diligências e, caso isso não aconteça, será determinado o prazo para que as duas partes apresentem suas alegações finais. Em seguida, Moro definirá se o ex-presidente será condenado ou absolvido. Por enquanto, não foi definida a data para a publicação da sentença.

Leia também: "Foi a Dona Marisa": internautas ironizam depoimento de Lula e criam novo meme

Manifestações

Durante o depoimento do ex-presidente manifestações pró e contra o petista surgiram em Curitiba. Após o interrogatório, Lula se uniu a seus apoiadores na praça Santos Andrade, no centro da cidade. “Eu estou vivo e estou me preparando pra voltar a ser candidato a presidente deste país. Nunca tive tanta vontade como agora”, disse em discurso.

*Com informações da Ansa

    Leia tudo sobre: Lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.