Tamanho do texto

Para assegurar vitória em votação da pronúncia do impeachment, presidente em exercício esteve com senadores que não se decidiram sobre o processo

'Indecisa' em relação ao impeachment de Dilma, senadora Lúcia Vânia (PSB-GO) foi recebida pelo presidente Temer
Moreira Mariz/Agência Senado - 19.5.16
'Indecisa' em relação ao impeachment de Dilma, senadora Lúcia Vânia (PSB-GO) foi recebida pelo presidente Temer

Em mais uma demonstração de que quer assegurar uma vitória expressiva na votação do Senado que dá continuidade ao processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, o presidente em exercício, Michel Temer, abriu no fim da tarde desta terça-feira (9) espaço na agenda para receber a senadora Lúcia Vânia (PSB-GO).

LEIA TAMBÉM:  Aliados temem que Dilma tenha menos votos do que na primeira fase do impeachment

Um pouco antes do encontro, Vânia havia afirmado ser favorável à aprovação da pronúncia de Dilma para que ela possa ser julgada pelo crime de responsabilidade pela Casa, mas ressaltou que a posição pelo prosseguimento da ação não significa que ela seja a favor da condenação da presidente afastada em eventual julgamento futuro.

Mais cedo, em cerimônia no Palácio do Planalto, Temer fez afagos a outros dois senadores indecisos: Otto Alencar (PSD-BA) e Antônio Carlos Valadares (PSB-SE). Alencar fez até mesmo discurso durante o evento.

    Leia tudo sobre: impeachment

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.