Tamanho do texto

Equipe do Bope da PM foi mobilizada para investigar conteúdo de três mochilas deixadas próximas à sede do governo federal

Objetos deixados nas proximidades do palácio: segurança ainda não sabe quem os largou no local
Marcel Frota/iG Brasília
Objetos deixados nas proximidades do palácio: segurança ainda não sabe quem os largou no local

Uma suspeita de bomba acendeu o alerta da segurança do Palácio do Planalto e levou à interdição de uma das faixas da avenida que fica em frente à entrada principal da sede do governo Dilma Rousseff, na tarde desta quarta-feira (24).

Leia também:
Suspeita de bomba causa susto e atrasa voo no aeroporto de Brasília
Homem invade hotel em Brasília e faz refém com suposto colete-bomba

O alerta foi emitido depois de três mochilas terem sido localizadas próximas à entrada principal do palácio. A área foi cercada durante a tarde para que fosse iniciada a remoção dos objetos, que, de acordo com as autoridades, podiam conter explosivos.

Agentes do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar do Distrito Federal foram mobilizados para remover os objetos, que, mais tarde, constataram não conter quaisquer tipos de explosivos em seu interior. Cadernos e produtos de higiene pessoal estavam nas mochilas. 

Seguranças do Planalto não souberam informar à reportagem do iG em que momento os objetos suspeitos foram deixados no local. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.